ADICIONE O BLOG SMM AOS FAVORITOS! OBRIGADO PELA SUA VISITA E LEITURA!

NOVIDADE!

NOVIDADE!

Nota:O formato PDF dos livros acima pode ser acessado em qualquer plataforma, inclusive Windows, Mac OS e plataformas móveis como Android e iOS para iPhone e iPad.

Os posts mais lidos viraram livros e não estão mais disponíveis no blog.

DESDE 2010. ANO VI. MAIS DE 2.000 POSTS.

GUEST POST NO ESCREVA LOLA ESCREVA

CURTA NO FACEBOOK


E-MAIL
sindromemm@gmail.com

04 fevereiro 2015

A pessoa faz besteira e depois diz que a culpa é da pombagira?

ANDRESSA URACH: TUDO CULPA DA POMBAGIRA

Tenho uma amiga, muito mencionada aqui no blog, que é elevada espiritualmente. É de uma categoria superior a minha, ou talvez várias. Ela ama o mundo, as pessoas, perdoa, acredita, tem fé, tudo de bom. Já eu sou diferente, ainda atrasada espiritualmente, sinto raiva, ódio, mágoa, xingo, navego em -como ela diz- ''emoções baixas''.

Um ponto de vista meu sempre a faz  me dizer um monte, quando digo que nem todo mal se paga neste mundo, que é ilusão pensar que o mal sempre será punido. Não sei se vou mudar de ideia, mas até agora falo baseada na minha vida e no que vi, nem todas as pessoas más que conheci foram punidas, algumas foram até recompensadas, faço questão de mencionar uma prima que me roubou e está curtindo a vida na praia até hoje, tranquila, fumando maconha todos os dias.

E vi coisas assim na vida da minha avó, mãe, pai, amigos, nem todas as pessoas que os prejudicaram estão pagando por isso. E ninguém sabe os critérios divinos para a punição, de repente Deus é maleável como a justiça brasileira e sempre acha um argumento para livrar o pecador.

E lá veio minha amiga correndo me falar sobre a modelo Andressa Urach, que ficou muito doente por ter aplicado hidrogel nas pernas, para dar um formato maior. Andressa cansou de dizer em entrevistas que tinha um negócio com sua pombagira (link) e dava a ela champanhe todas as vezes que ganhava dinheiro.
E minha amiga arregalou os olhos e disse:

-Tá vendo Iara, o mal se cobra viu, quem mandou se meter com a pombagira e fazer macumba para os outros? A conta chegou!

Ah, não, não, vamos devagar. A burrice do ser humano, além de ser infinita, não é culpa de ninguém, muito menos de uma pombagira. Andressa não foi punida pela pombagira, foi pela sua estupidez de aplicar misturas no corpo como se isso fosse uma coisa natural.


Não aguento mais as pessoas fazendo coisas estúpidas e depois dizendo que Deus castigou. Poxa, não pensou antes e agora tudo é culpa do além? 

Conheço pessoas que fazem macumba e nunca se ferraram por isso, eu juro de pés juntos que mandar energia ruim para uma pessoa faz ela voltar, mas o pessoal que faz macumba diz que não.

Gosto de pensar que todas as pessoas que se dedicam a prejudicar os outros serão punidos, mas sei que não é assim. Até já dei um exemplo, (link).

No México existem centenas de mercados, são como as galerias daqui. E de todos, o mais concorrido, difícil até de caminhar lá dentro, pelo excesso de gente, é o mercado de Sonora, especializados em produtos para fazer trabalhos. Eles se defendem dizendo que a maioria das coisas ali são ervas para curar doenças pela medicina maia, que nada ali é trabalho, mas quem já foi lá sabe que não é assim. Nos fundos do mercado se vendem todos os tipos de animais, inclusive bodes e cabras, para os ''trabalhos'' e se a pessoa procura alguém que os faça ali mesmo é orientado.

Não acho que Andressa se ferrou pela macumba que fez, ora, alguém mandou ela colocar essas porcarias no corpo? Então no caso a macumbada era ela, que foi levada por uma força misteriosa a se destruir. 
É fácil dizer que tudo foi culpa da pombagira, assim não assume que foi burra, vaidosa e inconsequente.

Todo mundo faz besteira, não precisa de pombagira para isso, mas assumir é outro departamento. Nesse é melhor dizer que a culpa é do outro mundo.

Iara De Dupont

2 comentários:

Anônimo disse...

Dói muito admitir que você fez uma burrada. É mais fácil botar a culpa em alguma força maior. Tenho uns conhecidos distantes que tudo que dá errado botam a culpa no além, nos maus espíritos, sem pensar nas besteiras que fizeram, nos revezes da vida ou no que os outros decidiram fazer contra eles. Um monte deles está na fossa por coisas que todo mundo passa, um pé na bunda, uma decepção amorosa, relacionamentos complicados, doenças, mas ao invés de superar, se levantar depois do tombo ou da rasteira e seguir em frente preferem se esconder na religião e usá-la como desculpa pra falta de vontade de viver. Já fiquei muito tempo no meio de pessoas assim e essa foi a única conclusão a que eu cheguei: eles tem preguiça existencial ou são covardes. Fico triste, pois já fui muito covarde e sei o quanto isso é péssimo pra alguém. Mas o que eu posso fazer, se eles não querem se levantar?

Humberto de Alencar disse...

Gostaria de lhe fazer uma pergunta: teu post de 3 DEZ 14, diz: Andressa Urach: a culpa é do Brasil. No texto, tu levas a entender que o que aconteceu com ela foi de responsabilidade do "Brasil machista" e terminas dizendo que vocês duas tiveram o azar de nascer em um país machista, atrasado e que trata mulheres como bonecas, seria carma mesmo. Porém, no post atual, tu colocas a culpa na modelo, chega a se perguntar se alguém a mandou colocar essas porcarias no corpo, ainda diz que a mesma não assume que foi burra, vaidosa e inconsequente e que é mais fácil colocar a culpa na "pombagira". Ora, se ninguém a mandou colocar essas porcarias no corpo, e ela o fez por livre e espontânea vontade, então como a culpa pode ser do machismo que impera no Brasil? Não te parecem meio contraditórios esses dois posts? Eu acredito no chamado livre arbítrio, ou seja, cada pessoa tem a inteligência e o discernimento suficientes para saber o que é certo e o que é errado. No caso em questão, a modelo o fez pensando única e exclusivamente na fama e no dinheiro,se ela tivesse pensado em si mesma, não se importaria nem um pouco com o que o "Brasil machista" quer das mulheres em termos de padrão de beleza. Se alguém quer uma coisa de você e você faz mesmo sabendo que isso pode lhe prejudicar, a culpa não é de quem quis essa coisa e sim de quem resolveu fazê-la, afinal como tu mesma afirmaste, ninguém a obrigou a colocar essas porcarias no corpo, não concordas?

Leia outros posts....

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...