ADICIONE O BLOG SMM AOS FAVORITOS! OBRIGADO PELA SUA VISITA E LEITURA!

DESDE 2010. ANO VI. MAIS DE 2.000 POSTS.

GUEST POST NO ESCREVA LOLA ESCREVA

CURTA NO FACEBOOK


E-MAIL
sindromemm@gmail.com

24 novembro 2014

Não deixa o pacote na mão da gordinha!


Sustento a teoria de que algumas piadas são preconceituosas, ajudam a perpetuar a discriminação que muitos sofrem. E adjetivos não são apenas adjetivos.

Mandaram uma encomenda de doces para meu irmão e o pacote veio parar na minha casa. Tive a educação de descer e abrir a porta, podia ter mandado à merda, já que nem era para mim.

Desci e o senhor da entrega me pediu para assinar um papel e perguntou o que eu era da pessoa que receberia a encomenda, falei que era meu irmão. Na hora dele me entregar o pacote ele segurou no peito e disse:

-Mas a senhora sabe que são doces de frutas secas?

Eu não sabia e disse isso.

-Pelo amor de Deus, a senhora entregue isso ao rapaz, não vai comer, porque a senhora tem cara de gulosa!

E respondi:

-E você tem cara de broxa! Vá à merda!

Me irritei mesmo, queria saber se teria dito essa besteira caso eu fosse magra. Me chamou de gulosa porque sou gordinha ou porque tenho bochechas grandes?

E além de tudo gordinhas são sem educação, o presente não era para mim, por que eu iria abrir e comer? Porque sou gordinha! E todo mundo sabe que gordinhas ''surtam'' com comida! Ah, tá! Então só por isso vou deixar tudo de lado e comer um pacote que não é meu? Sei.

Meu irmão já teve a gentileza de receber pacotes meus de sites de produtos de beleza e nem por isso o entregador chamou ele de  ''veado'', então por que esse me chamou de gulosa?

Parece que sou uma paranóica, exagerada, mas estou cansada de anos de adjetivos recebidos por pessoas que nem conheço, não se dão o trabalho de perguntar meu nome e ficam dizendo ''gordinha'', ''fofinha'', ''gulosa'' e coisas assim.

E ainda por cima entregou frutas secas! Aquele lixo de Natal que odeio, não como doces, não gosto de açúcar, meu único pecado é chocolate, o resto que exploda. Devo ser a única pessoa no mundo que tem vontade de colocar fogo naquela pilha de panetones no fim do ano. Cada vez que vejo alguma sobremesa de chocolate com chantilly tenho vontade de processar quem inventou o chantilly, de tanto nojo que me dá.

Agora o pessoal que entrega  pacotes vai colocar adjetivos? Se fosse um videogame iria me chamar de nerd? E aquele pessoal que pede brinquedos sexuais? Vão chamar eles de que?

Minha teoria é simples, eu não vou pela vida chamando os outros de baixinhos, altinhos, magrinhos, gordinhos, então não gosto que me chamem de gulosa, se sou ou não, é meu problema, não interfere no mundo, a economia não quebrou por minha  ''gula''.

Nas aulas de português crianças deveriam aprender o uso correto dos adjetivos, perceber que nem todos são aceitos socialmente,  porque se não crescem e começam a jogar vários nas pessoas.

Mas o aviso de não comer o pacote de frutas secas só funcionou porque não gosto de doce, se fossem chocolates já teria ligado para meu irmão perguntando se posso comer. E até onde sei nem nisso a pessoa que mandou acertou, porque meu irmão não é fã de doces, prefere chocolates.

Na família quase todos são gulosos astecas, gostam mesmo é de cacau. Mas eu além de gostar de chocolate gosto muito de outras duas coisas, de respeito e de ser deixada no meu canto em paz, sem adjetivos.



Iara De Dupont



6 comentários:

Paula Santos disse...

Ta certissima Iara!!! Quase bati palmas aqui!!! Ve se pode... Vou me inspirar nesse seu post na próxima vez que ouvir essas desgracinhas desse povo folgado que aparece na minha frente... No meu caso, tem muita mulher velha que vem achar que tem direito de falar do meu peso, e eu fico naquelad e não ser desrespeitosa com pessoa de idade... Mas to cansando, viu!

Glenda disse...

Eu também odeio adjetivos e rótulos preconceituosos. Detesto também gente que fala demais, e sempre fala besteira. Também sou gorda, e percebo os olhares. Eu, AINDA, não consigo mandar à merda, mas estou fazendo meu treino diário pra isso.

Anônimo disse...

E vc foi desrespeitosa ao chamar o cara de broxa.
E daí se é broxa?
Esse pensamento de que toda gorda é gulosa é igual achar que todo homem é abusador ou toda mulher é coitadinha.

Anônimo disse...

Fez bem em mandar ele se catar... Onde jpa se viu falar esse tipo de coisa para uma pessoa que ele sequer conhece... aff... povo folgado.
Quem sabe da próxima ele fica com a boca fechada.

Anônimo disse...

Aí eu lembro das broncas que levei por ser "sincera demais" quando criança e me pergunto se meus pais foram os únicos que realmente se deram ao trabalho de educar os filhos, porque parece que dar educação é coisa que tá saindo de moda faz tempo...

Anônimo disse...

Anônimo do desrespeito, o sujeito ser chamado de broxa foi em resposta a uma ofensa que ele fez primeiro. Qual é, mulheres tem que ser ofendidas e ficar caladinhas pra não "faltarem com o respeito" a ninguém, mas faltar ao respeito com as mulheres é ok? Quer ofender e não quer levar resposta? Não sabe brincar não desce pro play. Se não quer ouvir uma resposta malcriada (e merecida), não faça uma grosseria. Ponto. Sabe o ditado não tem nada de bom pra dizer fique calado? Se o indivíduo escolheu não seguir o ditado, tem que estar pronto pra levar de volta. É justo.

Leia outros posts....

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...