ADICIONE O BLOG SMM AOS FAVORITOS! OBRIGADO PELA SUA VISITA E LEITURA!

DESDE 2010. ANO VI. MAIS DE 2.000 POSTS.

GUEST POST NO ESCREVA LOLA ESCREVA

CURTA NO FACEBOOK


E-MAIL
sindromemm@gmail.com

29 agosto 2014

O Brasil precisa de amor



Tenho má vontade com qualquer religião. Na verdade até tolero, desde que seja longe da minha pessoa e não me venham com sermões.

Mas quem se apaixona por uma religião ou doutrina insiste em passar adiante a informação que tanto mudou sua vida e isso pode ser irritante.

Uma amiga que está estudando o budismo e resolveu repetir o que tanto dizem a ela ''estamos aqui apenas por amor''.

Já me disseram que tenho um coração puro, hoje posso garantir que uma parte dele ainda se mantém assim, mas o resto já foi consumido pelo mundo moderno. Dependendo da hora acredito que tudo realmente seja ''amor'', é o único que levamos, o mais importante para viver bem e evoluir. Mas é como eu disse, depende da hora, da lua e do meu estoque de chocolates, caso contrário fico cínica e amarga, achando que isso é conversa de quem passa o dia meditando nas montanhas distantes do Tibet e não lida com a realidade maluca de uma cidade grande e desgovernada.

Mesmo assim tive um momento de iluminação assistindo o debate dos candidatos a Presidência do Brasil, entendi o que minha amiga quis dizer. Não sei quantos candidatos eram, todos me pareceram iguais, com o mesmo discurso, lendo as mesmas estatísticas e cheguei a uma conclusão, o Brasil está na lama e vai permanecer ainda nela por falta de amor.

Todos os candidatos têm o mesmo perfil, são lobos famintos soltos no lugar errado. Não sou ingênua nem romântica, mas penso que a única maneira de melhorar alguma coisa é colocando um pouco de amor nela, trabalhar pelo seu país tem que ser um pouco mais do que um projeto pessoal de enriquecimento rápido.

E governar o Brasil é um sonho de qualquer um, é um país visto no panorama internacional como ''cheio de possibilidades'', sobram os recursos naturais e o dinheiro fácil. E se tudo der errado durante um governo é só jogar a culpa na oposição e tirar da cartola aquela velha conversa de ''tudo é culpa da chegada da monarquia portuguesa ao Brasil''. Não existem consequências para quem governar o Brasil e ainda pode virar um ídolo mundial. Por que então não se jogar e tentar a presidência?

Imagino que todos os candidatos pensam nisso, o Brasil é um dos maiores projetos de poder que existe no planeta e quem passar ali sabe que vai sair bilionário.

É nesse momento que o país morre. Não existe, pelo menos desde que nasci, não sei antes, um projeto de amor, uma vontade de querer mudar e melhorar alguma coisa. O único objetivo é limpar os cofres e garantir uma carreira política internacional.

Tenho um amigo que joga tênis e diz que todos deveriam jogar também, porque é um esporte que ensina a pessoa a tomar decisões e agir sozinha. Penso assim sobre o teatro, todos deveriam tentar uma vez na vida um grupo de teatro, porque é um lugar onde só fica de pé quem tem amor pelo o que faz. Quem entra guiado pelo ego ou curiosidade não aguenta a pressão, mas quem fica entendo o significado da palavra ''amor'' na hora de construir alguma coisa.

Por questões éticas sou contra roubar e limpar cofres públicos, mas se vão fazer isso porque não tentam ao menos melhorar alguma coisa? Porque nenhum candidato nem governo atual têm o menor amor pelo país, nunca vi tanta falta de patriotismo e indiferença. 

Não é utopia da minha parte, mas governar exige um pouco de amor, não dá para ver uma terra deste tamanho como se fosse uma vaca que se tira o leite sem dar nada em troca.

E não falo daquele amor sacrificado, umas poucas gotas de amor fariam toda a diferença do mundo. Em alguns países desenvolvidos os políticos trabalham a noção de ''dever'', por isso conseguem ser tão bem sucedidos, porque pelo menos têm noção de que não estão ali apenas para roubar.

Fiquei triste de ver o debate, tantas estatísticas, papéis furados e ninguém me passou uma gota de amor pelo país, podiam estar falando do Brasil ou da Malásia, parecia a mesma coisa. Essa falta de gratidão ao chão que pariu todos eles me tirou do sério, continuam com a mesma visão da monarquia portuguesa, o ponto é levar tudo o que puderem, que se dane o país, que exploda.

Minha amiga tem razão, sem amor as coisas não andam, porque o amor obriga a pessoa a pensar em alguma coisa além dela, sem ele todos ficamos como lobos famintos, querendo derrubar quem atravessa nosso caminho. Nada na vida se muda sem amor, muito menos um país. Nada melhora sem a noção de que devemos trabalhar para um todo, não apenas para nossa conta bancária.

O Brasil precisa mais do que números e estatísticas para melhorar, precisa de amor, deve ser a carência dele que fez desta terra imensa e fértil um mar de lama.

Iara De Dupont



Nenhum comentário:

Leia outros posts....

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...