ADICIONE O BLOG SMM AOS FAVORITOS! OBRIGADO PELA SUA VISITA E LEITURA!

DESDE 2010. ANO VI. MAIS DE 2.000 POSTS.

GUEST POST NO ESCREVA LOLA ESCREVA

CURTA NO FACEBOOK


E-MAIL
sindromemm@gmail.com

01 junho 2014

O neném da mamãe


Tenho um amigo que está casado há um bom tempo. Sempre achei uma coisa incrível, porque ele trabalha na televisão, está em uma posição importante onde chovem mulheres lindas por todos os lados e nada disso o abala.


Conheço pouco sua mulher, mas ela parece ser uma boa pessoa, muito inteligente e bonita.


Quando eles fizeram dez anos de casados fui a festa de comemoração. Em algum momento da festa ele se sentou na mesa que eu estava e perguntou:


-E você, vai casar quando?

Dei risada e disse que ''casar'' não é bem meu ideal de vida nem um objetivo, mas diante de tantas coisas estranhas no mundo eu não saberia mais dizer nada sobre o futuro, prefiro usar a frase da minha avó, ''o futuro a Deus pertence''.


E disse a ele que se eu mudar de ideia como faço para ficar dez anos casada? E ele respondeu:


-Primeiro ache alguém decente, de caráter. Para mim foi fácil ficar casado dez anos e penso que será assim o resto da minha vida, porque  não tenho a síndrome do ''neném da mamãe''.

Que síndrome é essa?


-Minha mãe saiu de casa quando eu tinha quatro anos para se casar com outro homem, cresci com meu pai. Não tive tempo de absorver esse ''amor de mãe'', então minha noção de amor é outra, penso que é um privilégio ser amado por uma mulher incrível como minha esposa. Quem cai na síndrome do ''neném da mamãe'' acaba sendo abusivo com as mulheres e desprezando o que elas sentem, acham que só porque foram amados pela mãe serão por todas as mulheres.


Mas isso não é falta de autoestima? Meio que dizer ''sou grato porque ela me ama?''.


-Não, esse é o ponto. Eu conversava com um monge budista sobre isso, o fato de achar um privilégio ser amado por uma pessoa decente e ele me disse que a base do amor é a gratidão, todo mundo vai pela vida achando que pode ser amado por quem quiser, todos se acham dignos, mas na hora que o amor vem as pessoas fazem horrores com isso e depois chutam. Não percebem que a vida tem poucos privilégios e ser amado por uma pessoa bacana é o maior deles. Porque ser amado por idiota qualquer um consegue, mas uma pessoa legal que te ame, isso não é para todos.


Mas tem o outro lado, todos os que são amados pela mãe não quer dizer que são ruins no amor...


-Não, mas é a tendência, amor de mãe é o maior que existem e as pessoas acham que podem reproduzir isso no outro, ninguém ama como a mãe, mas todo mundo sai procurando isso e se tiveram esse amor acham que podem encontrar ele onde quiserem e quando quiserem. A questão é simples, ser amado por alguém decente neste louco mundo é um privilégio que devemos agradecer todos os dias. Faz as contas, com quantas pessoas a gente convide? Quantas gostamos, outras toleramos, outra negociamos, outras desviamos, outra nos divertimos e quantas amamos e somos amados? Ninguém pode dizer isso de mais de cinco pessoas, é um número inexpressivo se você anotar todos que conhecemos durante toda nossa vida.


Vou pensar nisso.


-E te falo uma coisa, cafajestes não amam. O dia que você for amada por um homem legal você nunca mais vai esquecer dele, vai entender o que é o maior de todos os privilégios, porque o mundo está cheio de gente legal, que merece ser amada e quando isso acontece com você é como ser um dos ''escolhidos''.


Lembro muito dessa conversa porque no meu íntimo entendi e concordei com o que ele disse. Amor é uma coisa estranha, mas quando acontece entre duas pessoas legais é um grande privilégio neste mundo e muitas vezes erramos no meio do caminho. 

Eu conheci alguém muito legal, que tenho certeza que me amou e eu não me mostrei digna disso, fiz uma besteira em cima da outra. Só hoje entendo o significado de ser amada por alguém de caráter e tudo que isso implica. Amor é sorte, mas também é talento para saber respeitar e cultivar.

Já diz a música ''quem tem amor na vida tem sorte'', mas eu diria que além disso sorte é ser amado por alguém que vale a pena, que é uma pessoa boa neste mundo de maldades.


E meu amigo tem sorte, sua mulher é uma pessoa correta e também sortuda, porque é amada por um homem que reconhece a grandeza do amor dela.


Amor para mim é isso, o reconhecimento do outro na tua vida e a gratidão pelo o que se vive ali. É saber que na rua existem milhões de pessoas que podem eventualmente ''gostar'' de você, mas não amar. O mundo está cheio de gente que não presta e ser amado por alguém que vale muito é mais do que um privilégio, é uma coisa que faz a vida valer a pena.


Iara De Dupont

2 comentários:

Anônimo disse...

Muito bem colocado,vindo de um homem entao,perfeito.

Anna

Poeta da Colina disse...

Nossa, incrível, ideia absurdamente esclarecida. Só posso dizer, é isso.

Leia outros posts....

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...