ADICIONE O BLOG SMM AOS FAVORITOS! OBRIGADO PELA SUA VISITA E LEITURA!

NOVIDADE!

NOVIDADE!

Nota:O formato PDF dos livros acima pode ser acessado em qualquer plataforma, inclusive Windows, Mac OS e plataformas móveis como Android e iOS para iPhone e iPad.

Os posts mais lidos viraram livros e não estão mais disponíveis no blog.

DESDE 2010. ANO VI. MAIS DE 2.000 POSTS.

GUEST POST NO ESCREVA LOLA ESCREVA

CURTA NO FACEBOOK


E-MAIL
sindromemm@gmail.com

13 junho 2014

A pior espécie de Romeu


Há meses venho reparando no comportamento do namorado de uma amiga. Já saquei que é um dos piores exemplares, o famoso Romeu-parceiro, com certeza um dos mais perigosos da espécie.

Depois de tropeçar muito na vida aprendi que o pior não é a maldade que se vê, mas a bondade fingida, aquela coisa que é ruim mas parece boa, como esse Romeu.
É um cara bonito, engraçado, ótima pessoa e parece dar total apoio a minha amiga e as seus projetos, sabe de cor essa cartilha do homem moderno que apoia a mulher.

Mas venho reparando em outras coisas, minhas amigas reclamam e dizem que eu  ''reparo em tudo'', é verdade, reparo tanto que às vezes acho que deveria ter pensado em uma profissão detalhista, dessas que exigem gente que repara em tudo.

Atrás do Romeu-parceiro meigo e amigo está um rapaz acomodado, cheio de preguiça. Ele se mudou de cidade para estudar, mas rara vez vem a São Paulo, alega falta de tempo, dinheiro, ou uma prova. Então minha amiga-parceira pega seu carro e vai onde ele está, aproveita antes para fazer um bom supermercado e deixar a barriga do Romeu cheia a semana inteira, porque o coitadinho estuda muito.
Sou dessas que olha tudo e venho percebendo que isso está se estendendo demais, ele é ótimo, mas é minha amiga que está bancando o relacionamento emocionalmente e economicamente.
E por que ela faria isso? Porque está na primeira fase, aquela que sentir o apoio verbal de quem amamos nos deixa cegas e sem condições de entender a realidade. Para ela o Romeu é um cara decente, que está apoiando seus projetos, ainda não assimilou que o relacionamento só existe pelo esforço dela, não dele.

E vou ser realista, isso pode até dar casamento, se ela continuar assim, fazendo tudo, com certeza ele casa. Esse tipo de Romeu só mostra a cara quando é contrariado e perde algum privilégio, então surta, mas se a mulher continuar na pilha de fazer o que ele quer e não pedir que se mexa, então eles são de amores longos e eternos, ficam bem encostadinhos ali e dormem como bebês.

Hoje falei com ela e só de sacanagem, fiz mesmo, perguntei o que ela ganhou de dia dos namorados. Eu estava no telefone pensando 3,2,1, porque sabia a resposta e lá veio na minha direção:

-Nossa Iara parece que você não conhece ele! Esse negócio de datas comerciais e coisas materiais não é sua praia, lógico que não ganhei nada. Mas cada um é cada um né? Tem gente que prefere presentes, tem gente que prefere ser amada.

Mas não é? Também acho e me enquadro no time das que ''preferem presentes''.

Perguntei o que ela tinha dado de presentes e a lista parecia não terminar. É porque o coitadinho estuda em uma cidade fria, montanhosa e minha amiga comprou casacos e moletons para que o neném possa estudar sem congelar.

Já disse isso mil vezes e volto ao ponto, dinheiro é medida na vida, em tudo. Na dúvida a gente tem que se perguntar o quanto Romeu está custando e o quanto ele nos está dando de retorno.

Mas conheço o peso e o encanto desses Romeus-parceiros-, também já me  vi envolvida diversas vezes com tipos assim, mas depois descobri que isso se chama falta de ''autoestima'', algumas vezes nos achamos tão pouca coisa que um elogio de um Romeu basta para manter um relacionamento. Achamos que ser apoiada é uma coisa incrível e só por isso vale a pena tudo o que passamos para manter o namoro.

Falo na maior tranquilidade, não vale. Nada feito na pouca autoestima vale a pena, nada, nada, nada, é como plantar rosas em um pântano, é questão de tempo elas afundarem.

Se a mulher está com um Romeu assim porque gosta é problema dela, mas se é pela falta de autoestima então a coisa é séria.

É uma merda estar em um relacionamento recebendo o mínimo, minha amiga acha que recebe apoio e ele é bom na cama, mas pelo amor de Deus, isso se consegue em qualquer lugar.

Cometi muitos erros na vida, mas os que me doem até morrer foram os cometidos pela falta de autoestima, principalmente ligada a esses Romeus exploradores, que davam o mínimo e eu achava o máximo.

Uma vez essa amiga me disse ''tenho trauma daqueles Romeus do teu blog!''.


Esse é o problema, os Romeus não existem apenas no meu blog, estão lá fora e são milhões explorando as mulheres de todas as maneiras. E não são eles que têm que mudar, somos nós mulheres que temos que entender que sem autoestima não vamos conhecer nada na vida melhor do que esses lixos. Ou acordamos ou vamos continuar pagando por umas migalhas de um falso amor.

Iara De Dupont

4 comentários:

Alessandra Tofoli disse...

Também sou das que preferem ganhar presentes, é claro. Não tenho a menor vergonha em dizer isso. Também não esqueço do presente do meu Romeu, então o que espero é no mínimo a mesma atenção.

Tadeu Diniz disse...

Iara, li seu texto e parece que você viu todo meu namoro, mas só há uma diferença não namorava romeu e sim julieta. Terminei meu namoro semana passada e hoje leio seu texto. Será que você estava espionando meu namoro ou conhecia minha ex? Eu me comentava com pouco e fazia muito. Burro demais!!!!

Tadeu Diniz disse...

Você andou espionando meu namoro ou conhecia minha ex?

C.Belo disse...

"umas preferem presentes, outras preferem ser amadas".

Mas não é??? kkkkkkkkkkkkk

Leia outros posts....

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...