ADICIONE O BLOG SMM AOS FAVORITOS! OBRIGADO PELA SUA VISITA E LEITURA!

DESDE 2010. ANO VI. MAIS DE 2.000 POSTS.

GUEST POST NO ESCREVA LOLA ESCREVA

CURTA NO FACEBOOK


E-MAIL
sindromemm@gmail.com

12 maio 2014

Tem algum homem querendo ser ''abusado'' por mim?

Tem algum homem querendo ser ''abusado'' por mim?

Cometi muitos erros nos meus relacionamentos passados. Tantos que nem fiz a lista ainda para não me deprimir, mas eles dançam na minha mente.


Um deles foi sempre ter visto a relação como um campo de batalha mental, eu entrava na pilha de tudo e queria falar sobre isso, discutir, argumentar, e ficava nisso. Milhões de vezes fui avisada por amigos e amigas que homens não gostavam de ''conversar'', que se eu quisesse um relacionamento para falar tanto deveria namorar com outra mulher ou um gay.


E eu sempre argumentei com isso, dizia que era preconceito, que homens não são animais, e é clichê de gênero dizer que eles não gostam de conversar, pensar isso é machista, homens são seres humanos e se expressam como todos, no verbo.


Mas com o tempo comecei a perceber que existia um fundo de verdade nisso, tenho lido nos últimos tempos artigos de psicanalistas dizendo que os homens estão perdidos porque as mulheres tentaram transformar eles nos ''amigos gays'', quando na verdade o cérebro deles funciona de maneira diferente e verbalizar o tempo inteiro não é uma coisa que gostem ou se sintam confortáveis.


E venho percebendo a necessidade de algumas mudanças, já falei delas aqui, uns arrependimentos em relacionamentos anteriores, onde as conversas que davam em discussões acabaram com tudo. Se eu pudesse voltar ao tempo mudaria isso com certeza.


E hoje recebi este comentário anônimo:


Você, com esse discursinho de vítima, é a maior armadilha que existe para o homem. O homem que cair nas suas garras certamente vai sofer MUITO abuso. Tomara que ninguém nunca se sujeite às suas cobranças e frustrações. 



Dei muita risada, porque eu já vinha pensando nesse assunto. A parte de dizer que faço ''discursinho de vítima'' é um cemento dos machistas, qualquer mulher que se atreva a dizer o que pensa é recebida da mesma maneira, dizem que faz ''discursinho de vítima''.


A parte de dizer que sou a ''a maior armadilha'' gostei muito, sou mesmo, além de ser grande sou uma armadilha gostosa, se o homem for hétero sou realmente um perigo para ele, linda e inteligente. 


Mas a parte do ''abuso'' eu aplaudi de pé, gente, como é que pode um anônimo adivinhar meus pensamentos? Nunca vi coisa igual! Acho que meu blog é mediúnico!


Meu último namoro foi uma tragédia pelo tempo perdido em nada, tantas discussões inúteis, sem sentido, até sobre política nos falamos e não conseguimos nos entender em nada, queimamos toda a energia em besteira e em falar como dois papagaios. E fiquei tão chateada, tão frustrada, que decidi mudar algumas coisas depois disso.


A primeira delas é que nunca mais vou discutir com namorado, já jurei isso ao pé da cruz, chega, daqui pra frente só vou beijar, não quero saber a opinião dele sobre nada. Se ''cair '' nas minhas garras posso garantir que vai sofrer muito, mas muito abuso mesmo, não vou perdoar como um dia já perdoei, troquei sexo por discussão, essa merda eu não faço de novo.


Penso que o próximo namorado vai ser diferente, vou beijar ele tudo o que não beijei os outros, não quero mais saber de briga, depois do último fiquei no trauma e aprendi a lição, namorado é pra beijar e curtir, se eu quiser discutir é melhor entrar em um partido político, mas nunca mais faço isso na cama.


Quanta as ''frustrações e cobranças'', ah, faz parte, vou cobrar mesmo muita energia, muito amor e muita pilha e vou ficar frustrada se ele preferir jogar videogame do que fazer amor comigo, mas acontece, sei que nos relacionamentos isso faz parte.


Ah, como eu lamento os beijos que não dei, mas nem lembro da origem das discussões. Esse anônimo tem razão meninas, abusem muito dos seus namorados, acho que a cama é mesmo um terreno neutro, parece que ali as pessoas se entendem mais facilmente. Tirem suas garras para fora, usem e abusem, mostrem aos seus amores que não tem armadilha melhor do aquela que está na nossa cama.


E anônimo te agradeço a dica, mas eu já vinha pensando nisso, em deixar de ''abusar mentalmente'' dos meus namorados e começar a ''abusar fisicamente''.


E não se preocupem, ainda existem no mundo alguns homens que querem se ''sujeitar'' as minhas cobranças, porque eu vou cobrar mesmo um bom desempenho.


Saudades de alguns namorados, poxa, como eu fui burra! Eles ali na minha frente, lindos e amorosos e eu discutindo sobre a situação da guerrilha na America Central! Putz, que cretina eu fui! E também discuti coisas bobas como sistemas políticos e eles ali na minha frente querendo me beijar! Eu argumentava em tudo em vez de beijar e que discussão no mundo pode ser mais interessante do que beijar a pessoa que estamos a fim?


Se burrice desse cadeia eu tinha pego perpétua!


Vou dar um print neste post e mandar para meu próximo namorado, quero que ele saiba que vai cair em uma armadilha bem gostosa e vai ser muito ''abusado''. Dessa vez não vai ter conversa nem discurso de militante, vou abusar mesmo, se segura viu Romeu?


Iara De Dupont


8 comentários:

Anônimo disse...

Huahuahuahuahuahuahuahuahua! Quer dizer que se um relacionamento não girar em torno do machochinho e de suas vontades 24 horas por dia, sete dias por semana, se a mulher se atrever a-oh, que horror!-se queixar de qualquer coisinha que o bonitão faça, chamem a polícia porque é abuso? Cara, só rindo. Sugestão: por que esses carinhas que não podem ser contrariados nunca não esquecem as mulheres reais e compram uma boneca inflável? Vão ser mais felizes assim e livrarão as mulheres de sua "agradabilíssima" (ironia mode ON) companhia.

Anônimo disse...

Pra namorar a gente pode ate se dar ao luxo de nao discutir nada,nao se aprofundar em nenhuma questao,mas se a coisa comecar a ficar seria melhor converser sim,porque depois a gente se ferra. A maioria dos homens sáo preguicosos intelectualmente. Querem empregada princesa,a mulher que sirva mas que nao "encha o saco". Engracado,na roda do bar com amigos tem assunto ne? em casa quer um robo,palhacada.

Anna

C.Belo disse...

Iara, agora vc vê: só de vc escrever seus pensamentos e colocá-los aqui, neste modesto espaço (muito amado por mim, diga-se de passagem), os "homi pira" menina!!!!! Pq será que eles se sentem tão ameaçados quando as mulheres resolvem se expreessar? Será que, no seu caso, que escreve publicamente, eles enxergam uma potencial incitação à rebelião por parte das mulheres? hahahahahahahaha!

Coitados, o que eles nem fazem ideia é que essa "rebelião" já começou e não tem mais jeito, alguns cretinos ainda podem calar suas mulheres lá, entre 4 paredes, mas não podem calar todas ao mesmo tempo. Seria melhor que eles aceitassem isso de uma vez, né?

Anônimo disse...

Sua resposta àquele comentário anônimo é nitidamente defensiva e tergiversante. É óbvio que o comentário não se refere a cobranças e frustrações de natureza sexual. (Os homens só negam fogo em siuações muito particulares.) Como você mesma já admitiu em outras postagens, o problema fundamental sempre recai sobre o dinheiro, o meio incontornável de realização. O problema, mais essencialmente, é o conflito pessoal entre o desejo subjetivo de ser e a impossibilidade objetiva de ser. As mulheres jogam esse conflito em cima dos maridos e namorados. Na prática, isso se traduz em violência verbal e emocional. E você dá sinais claros de que pratica amplamente essa violência. Este é o "abuso" a que o comentário se refere. Não finja, para si mesma, que você não entendeu.

Iara De Dupont disse...

Anônimo, vou te contar um segredo. Quando a pessoa chega aqui e se identifica eu consigo ler o comentário, mas quando não faz isso aparece na minha tela: blá blá blá.

Mas queria te agradecer uma coisa, há tempos vinha pensando no uso da palavra ''tergiversar'' e não encontrava um meio de usar, mas na construção da sua frase ela aparece de maneira muito bem colocada, te agradeço a aula.

Quanto ao resto, minha resposta é mais coloquial: aff!

Iara De Dupont disse...

Vou te dizer viu C. Belo,se eu soubesse que uma mulher escrevendo incomoda tanto teria começado antes!

Tô besta com esse mundo machista,é inacreditável como eles estão infiltrados na rede.....

C.Belo disse...

Pe-pe-peeeeeeeraeeeee!!!

"O conflito entre o desejo subjetivo de ser e a impossibilidade objetiva de ser", as mulheres jogam isso pra cima dos maridos/namorados????? Como assim cara pálida????

olha, eu vou te contar uma coisa: jogar as frustrações pessoais para cima de un cônjuge não é nem de longe particularidade de mulheres. Creio que se vc tivesse sua mente mais aberta e destrelada desses seus conceitos machistas, que perceeria que este é um problema emocional que transcende a questão de gênero. Pesoas mal resolvidas com suas vidas fazem isso, mas na sua cabecinha oca de machistinha patético, a equação é simples: pessoas mal resolvidas = mulheres.

Eduardo disse...

Todo mundo ficou discutindo e ninguém respondeu à indagação do título do post.Se as pernas das fotos forem suas, EU QUERO!

Leia outros posts....

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...