ADICIONE O BLOG SMM AOS FAVORITOS! OBRIGADO PELA SUA VISITA E LEITURA!

DESDE 2010. ANO VI. MAIS DE 2.000 POSTS.

GUEST POST NO ESCREVA LOLA ESCREVA

CURTA NO FACEBOOK


E-MAIL
sindromemm@gmail.com

26 abril 2014

Príncipe William: o mundo é babaca mesmo

Lady Catherine, nada escapa de ser criticado
Príncipe William: calvície  é coisa de homem sério

Daniel e Vitória da Suécia: agora sim um homem de respeito
Vitória e Daniel começando a transformação para tirar o ar ''pouco sério''

Não acho que vá ser na minha geração, talvez leve mais duas, mas gostaria de ver, nem que seja de outra dimensão alguns mitos derrubados.

Muitos já foram ao chão, mas a maioria ligada a aparência ainda são mantidos.

Minha avó cresceu e repassou as netas muitas coisas que aprendeu, a grande maioria já foi descartada, ela dizia que era importante manter o casamento, não ser uma ''mãe solteira nem divorciada'', se dar bem com os vizinhos e ser gentil com todos. O típico retrato da mulher de ''de bem e submissa'', aquela que mantém a postura.

Do que ela me disse não uso nem 1%, a única coisa que massacrava minha avó e me massacrava é a aparência. O que ela dizia ainda aplico, era importante estar arrumada, as pessoas julgam e te contratam pela aparência, os namoros começam pela aparência, a vida se constrói pela aparência.


Mas de longe tudo isso é tão patético como é querer ''manter um casamento''. É medieval, distante, ridículo tanto julgamento pela aparência. Gostaria que um dia todo mundo pudesse ver como tudo isso é superficial e sem sentido.


Porque esse massacre da aparência obriga as pessoas a viverem de uma maneira falsa e isso afasta mais as coisas do que aproxima.


E na recente visita do casal real, o Príncipe William e a sua esposa, Lady Catherine a questão da aparência é levada a loucura. Tudo relacionado à ela, tudo, tudo, desde o esmalte até o broche da roupa é mostrado, julgado, às vezes elogiado, às vezes massacrado. Nada fica impune, até o esmalte dela acaba apanhando. E mesmo que todos adorem sua aparência, Catherine é teimosa e faz sua própia maquiagem. A lenda conta que ela contratou o melhor make-up artist de Londres para umas aulas, ele deve ter dado uma aula explicando o que não fazer e ela decorou, porque segundo especialistas ela faz exatamente o que não deveria fazer, carregar no blush e escurecer os olhos com lápis preto. Já foi detonada por isso e dizem que a até a Rainha pediu que ela não fizesse sua maquiagem no dia do casamento, mas ela não aceitou e fez, e foi criticada.


Já seu marido, o Príncipe William tem um problema de calvície simples, mas ninguém diz nada, fica até chato falar. Dizem que ele quis resolver, mas a Rainha proibiu, como ela está na dúvida se passa o trono direto para ele precisa da imagem de ''rei sério'', um homem mais velho capaz de levar a nação nas costas. E se ele arrumar o cabelo não dá, fica com aquela imagem de ''garotão'' e estraga o esquema.


E não é só lá que isso é visto dessa maneira. Há uns anos atrás a Princesa Vitória, futura rainha da Suécia começou a malhar, porque teve um problema de anorexia e conseguiu se tratar a tempo, foi ao psicólogo e começou a frequentar uma academia. Lá ela conheceu o dono, Daniel e se apaixonaram. Mas Daniel era um jovem rico, dono de várias academias, que gostava de ficar velejando no seu barco e sua aparência correspondia a isso, era loiro, bronzeado e de corpo malhado. Na hora que eles decidiram o casamento, a casa real entrou em ação e mudou a aparência de Daniel, fez um homem de 27 anos parecer um senhor de 50, seu cabelo foi cortado e escurecido, parou de malhar e engordou, trocou suas roupas modernas por paletós conservadores e colocaram nele uns óculos pesados e escuros, para dar uma aparência de ''senhor'' e essa é a parte engraçada, ele não precisa usar óculos, mas eles eram fundamentais na imagem do ''senhor'' que se casa com a futura rainha.


Homem tem que parecer ''sério'', de '' respeito''. E mulher tem que se manter no máximo com aparência de 28 anos, porque segundo os fabricantes de cosméticos é até essa idade que a mulher é atraente para os homens, depois ela entraria em uma descida hormonal e deixaria de ser atraente, então dizem que os homens respondem , biologicamente a mulheres que aparentam ter no máximo 28 anos.


E segundo esses mesmos fabricantes mulheres gostam de homens jovens, mas tem uma tendência a não levar eles a sério, na hora do vamos ver preferem os mais velhos, eu não fui consultada, pra mim homem ideal está entre 28 anos e 34, passando disso eu não gosto e isso me preocupa, porque eu já passei dos 34 anos e daqui a pouco vou ter 80 anos e continuar gostando de homens de 28, acho que vou ficar uma velhinha bem ridícula e porra louca, correndo atrás desses ''garotões''. Até penso fazer uma boa poupança, porque sei que esses ''meninões'' gostam bastante de dinheiro e ninguém de 28 anos vai ficar com uma senhora de 90 anos apenas por amor, talvez eu tenha que comprar, então vou começar a economizar.


E que patético mundo que os homens precisam envelhecer a aparência para serem vistos como competentes e a mulheres precisam viver presas aos 28 anos para serem consideradas. O ser humano e suas preocupações são ridículas, me pergunto se o mundo tem noção de como é vazio e besta.


Eu adoraria ver um rei como William lindo, com seu cabelo loiro herdado da mãe e aquela aparência de garotão, ia entrar para a história como o rei mais bonito do planeta. 


Ah, mas vivemos em um mundo tão bobo, tão pequeno e cheio de valores que não levam a nenhuma parte. Quando penso nisso lembro dos meus amigos alienígenas dizendo:


-A humanidade é babaca e fútil.

Iara De Dupont

3 comentários:

C.Belo disse...

Eu sinceramente gosto de me preocupar com minha aparência, me cuidar, me "ornamentar" rs! Mas tô longe de estar nessa neura de parecer jovem. Pelo contrário, até fico olhando na rua senhorinhas e fico imaginando como eu serei nessa idade. Acho estimulante a ideia de destacar a minha beleza, seja com que idade eu estiver, apenas adaptando o meu estilo pessoal à minha idade. Esse é um desafio bacana, ao meu ver.

Acho muito boba essa neura e sinceramente não consigo me imaginar sendo assim.

Anônimo disse...

O problema da realeza é que você não pode mandar praquele lugar e ser feliz. Que furada que é entrar pruma família real... só com muito amor e abnegação, gente, porque emocional e psicologicamente é uma droga.

Musicista Feminista disse...

Com a idade vem experiência...para os homens, para nós vem as críticas e a feiura. Na verdade no momento em que se sabe que a mão vai ter uma menina começam as críticas.
Depois é que piora, e muito.

Leia outros posts....

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...