ADICIONE O BLOG SMM AOS FAVORITOS! OBRIGADO PELA SUA VISITA E LEITURA!

DESDE 2010. ANO VI. MAIS DE 2.000 POSTS.

GUEST POST NO ESCREVA LOLA ESCREVA

CURTA NO FACEBOOK


E-MAIL
sindromemm@gmail.com

01 março 2014

Se você trocar um sonho por um homem tua vida acaba (mulherada, acorda!)


Se Deus aparecesse agora na minha frente e me perguntasse qual foi a coisa que mais me atrapalhou a vida até agora, só tenho uma resposta: a falta de egoísmo.

Segui ao pé da letra a regra dada, nunca fui egoísta, sempre pensei nos outros, porque era isso que se esperava de uma mocinha católica em uma sociedade machista, minhas vontades nunca foram consideradas, até porque eu ignorava elas.


Depois de tudo que passei comecei a me lixar e fazer as coisas do meu jeito, mas ainda estou longe de ser uma pessoa que só pensa em si e tem um caráter egoísta. Tento pelo menos manter a mão firme na ideia, para evitar que passem em cima de mim como passaram a vida inteira.


E quando vejo alguém cair em uns erros parecidos tenho vontade de bater a cabeça da pessoa na mesa. 

Uma amiga vai se casar este ano, no momento caminha nas nuvens e Romeu é  um X-tudão. Mas conversando com ela perguntei se já tinha resolvido aquele antigo problema entre os dois, ela morre de vontade de ter filhos, sonha até com os nomes e Romeu é divorciado, pai de dois meninos, já fez vasectomia e disse que a única maneira de reverter isso seria na próxima vida.

Minha amiga garantiu que ''tudo bem'', ela entende o lado dele. Mas eu quase berrei na mesa, de tão indignada, e o lado dela, ele entende?


Tem coisas na vida que a nossa única resposta deve ser: FODA-SE VOCÊ!


É absurdo a mulher ceder em uma coisa dessas tão grande. E já tenho dito, pior do que obrigar um homem a ser pai é impedir uma mulher de ser mãe, caso seja a vontade dela.


Resolvi contar duas histórias de terror para ela, da geração da minha mãe e uma da minha.


Uma amiga da minha mãe se apaixonou por um divorciado com dois filhos. Ela morria de vontade de ter filhos, ele não, mas ele a convenceu de que talvez não seria boa mãe, porque gostava demais de viajar e finalmente poderia considerar os filhos dele também seus filhos. Isso funcionou uns anos, mas um dia em uma fatalidade os dois filhos dele morreram em um desastre de avião. Ela já tinha passado da idade e não podia ter filhos e ele ficou sem os filhos do primeiro casamento.

Continuam casados, mas é claro que isso causou uma ruptura nos dois, ela escutou ele e mudou sua vida, ele preso o egoísmo perdeu tudo.

Muitas mulheres passam em cima do que querem, apenas para agradar alguém que nem sabe se vale a pena.


Outra amiga da minha mãe se apaixonou por um homem casado e acabou engravidando. Ele pediu que ela fizesse um aborto, porque ia se divorciar da mulher e achava que seria demais para ela o marido ir embora com uma amante grávida. E lá foi a trouxa fazer o aborto. Eles ficaram juntos mais uns anos, mas ele não se separava. Ela acabou engravidando novamente, ele jurou que dessa vez ia largar a mulher, comprou um apartamento, mas acabou recuando e dizendo que não estava pronto para ser pai, pediu que ela abortasse e desse um tempo para ele trabalhar a ideia. Ela deu mais uns anos, ele pensou melhor e foi embora, ficou com a mulher, que engravidou de gêmeos.


A amiga da minha mãe até hoje chora contando sobre os bebês que abortou em um momento de fraqueza, foi idiota mesmo, não era mulher estuprada, era uma mulher grávida do homem que amava. Ficou tão abalada com tudo que nunca se casou nem teve filhos.


E a única história da minha geração que conheci foi a pior de todas. Um lindo casal jovem resolve se casar e ficam juntos uns cinco anos. Ela sonhando com o filho, mas o rapaz não queria, não gostava de crianças e ela não queria perder seu amor, resolveu ceder. Depois de cinco anos ele se apaixonou por outra, divorciada com três crianças, largou a esposa e foi embora com essa. 

A esposa ficou traumatizada, mas recomeçou sua vida, se apaixonou de novo e decidiu ter filhos. Não conseguia engravidar e quando foi investigar a causa descobriu que tinha um câncer terrível, tanto que foi operada no mesmo dia que descobriu e tiveram que remover seu útero.
Já seu ex-marido, aquele que não gostava de crianças, adorou os filhos da sua nova mulher e se aventurou a ser pai, teve mais três. Para uma pessoa que ''não gostava de crianças'' ele encheu a casa logo com seis.

Disse tudo isso para minha amiga, sou ótima contando histórias de terror, quando na verdade apenas estou berrando: ACORDEM MULHERES!


Não errem pelo Romeu, se querem ter filhos e ele não, façam a fila andar, não vale a pena renunciar de um sonho para ter um homem que não vai renunciar a nada e pior ainda, mulheres têm que entender, nossa faixa de tempo não é a mesma deles, se quiserem podem ser pais aos noventa anos, caso se arrependam, as mulheres não.


Renunciar a vontade de ser mãe por um Romeu é uma das piores coisas que uma mulher pode fazer, ela vai pagar o preço disso a vida inteira. Conheço mulheres que não quiserem ter filhos e estão super bem com isso, mas as que conheci e não tiveram porque o marido não quis, arrastam correntes até hoje, acaba afetando até as amizades, porque elas se afastam de tudo, justo para não ficar vendo outras mulheres curtindo seus filhos.


E para que isso? Por um homem? Desde quando isso vale a pena? E por que um homem gostaria de ser pai? Isso acontece apenas com uma minoria, o resto não quer nem saber, não quer perder o trono, os privilégios e muito menos trocar a esposa que vive para ele por uma mãe que vai dividir o tempo.


Paternidade é uma coisa que não compensa para os homens, eles já entram recuando, não são obrigados nem a sentirem as dores, não correm para o parto nem amamentam, então 

a maioria passa reto da experiência, porque a curto prazo não compensa.

Ah, mas tem homem que curte ser pai ou quer ser, tem mesmo, mas são poucos. O resto é pilantra e egoísta, querem a mulher só para eles.


E eles são assim e a mulher ainda chega cedendo? Não pode ceder, senão eles passam em cima.


Falei para minha amiga que uma coisa é ceder e passar o Natal na casa da sogra, outra é foder tua vida inteira, ficar sem uma coisa que tanto sonha, os filhos, apenas porque o Romeu é um cagão e não quer assumir responsabilidades.


A parte da história que ninguém nos conta quando estamos crescendo é a mais importante, mas sonhos são egoístas e temos que ser um pouco egoístas para conquistar eles. Esse sonho meigo que todos ficam felizes não existe, ter o que se quer neste mundo exige uma noção clara de quem somos, o que queremos e nossa capacidade de egoísmo. Não conheço ninguém que tenha conquistado alguma coisa na vida agradando todo mundo, isso não existe.


Quem sonha com a maternidade que corra atrás dela, mas fuja dos Romeus que não querem nada de nada, esses homens emperram a vida e fazem o relógio biológico da mulher apodrecer. E vale para tudo, jamais se deveria renunciar a um sonho por alguém, devia ter lei proibindo isso, porque é claro que um dia a pessoa vai se arrepender, mais ainda neste tempos tão rápidos e rasos.


Se o Romeu não quer a mesma coisa ou seu sonho bate de frente, então se pode gritar as duas palavras mágicas: Foda-se você!


E continue andando. Mas que coisa feia! O amor é ceder, relevar, abrir mão. É? É por que só mulher faz isso e se fode? Eles não podem abrir mão? Tudo bem, eu não abro mão, que se dane.

Mais então  talvez eu fique sozinha, porque não sei renunciar aos meus sonhos para agradar Romeu. Já disse isso antes e digo de novo, os meus sonhos são mais importantes do que Romeu. E vou mais longe, a minha vida é mais importante do que qualquer Romeu. A equação contrária, onde mulheres se diminuem para se adaptarem aos homens sempre acaba em desgraça para elas, a conta nunca fecha. 

E ninguém te conta do dia seguinte, aquele momento que depois de ceder você é obrigada se olhar no espelho e saber que foi tua decisão, ninguém te obrigou a nada, se fez besteria pensando em agradar Romeu, o problema é teu, ninguém vai te consolar. E tem decisões erradas que podem durar para sempre. Para quem sonha em ser mãe e renuncia a isso por um homem, pelo menos que tenha claro que vai chorar a vida inteira, porque ninguém vale um sonho teu.


Iara De Dupont


Um comentário:

Anônimo disse...

Aplaudo de pé você por esse texto e agradeço minha mãe por ter me deixado nascer quando meu pai pediu que ela abortasse ...mais triste ainda é vê-lo numa eterna competição com ela mesmo eles sendo separados desde meu nascimento e ver a alienação parental que ele sempre quis fazer comigo e não a idade não os amadurece.

Leia outros posts....

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...