ADICIONE O BLOG SMM AOS FAVORITOS! OBRIGADO PELA SUA VISITA E LEITURA!

NOVIDADE!

NOVIDADE!

Nota:O formato PDF dos livros acima pode ser acessado em qualquer plataforma, inclusive Windows, Mac OS e plataformas móveis como Android e iOS para iPhone e iPad.

Os posts mais lidos viraram livros e não estão mais disponíveis no blog.

DESDE 2010. ANO VI. MAIS DE 2.000 POSTS.

GUEST POST NO ESCREVA LOLA ESCREVA

CURTA NO FACEBOOK


E-MAIL
sindromemm@gmail.com

10 fevereiro 2014

Tudo agora é ofensa pessoal


Há tempos eu venho notando uma coisa no meu blog e ontem conversando com uma amiga me dei conta que não é uma sensação exclusiva minha, parece que é um fenômeno mundial. Não importa a situação, se você diz uma coisa contrária ao que a pessoa te comentou ela não te escuta pensando que a tua opinião é diferente da dela, apenas isso, não se pensa assim, o que chega na mente dela em segundos é que você ofendeu ela profundamente.

Antes eu chegava em uma mesa de bar e pedia guaraná, eu não bebo e isso nunca causou problemas, mas hoje sinto que ao pedir um guaraná a frase fica assim: Eu quero um guaraná porque eu não bebo cerveja, não sou igual a  esse bando de alcoólatras.

Parece que é isso que as pessoas escutam. Já desviei muita comida, principalmente carne, alegando que eu estava de dieta, ninguém argumenta, mas hoje se isso vem à tona sempre tem alguém para me dizer que não adianta comer carne e derrubar todas as florestas para plantar soja. Tudo virou ofensa e todas as ofensas são pessoais e intransferíveis.

Tenho visto isso em relações pessoais, profissionais e familiares, amorosas então nem se diga, se você não está de acordo é porque está ofendendo a pessoa.


Eu sou firme nas minhas opiniões, mas quem me conhece sabe que eu fujo de confronto, evito discussões e me irritar à toa. Mas escrevo de uma maneira dura e isso já foi dito milhões de vezes, então achei que esses e-mails de gente se sentindo ofendida tinha a ver com isso, apesar de que eu não entendo porque uma pessoa se dá o trabalho de ler um blog se não gosta do jeito que a blogueira escreve...enfim..


E de tanto comentar isso com outras pessoas começaram a me dar relatos desse momento totalmente intolerante que estamos vivendo, parece que entramos em uma guerra mental e todos que pensam diferente de nós viram inimigos jurados. E nem precisa encostar em religião ou futebol, pode ser uma opinião contrária.


Tenho uma amiga sacoleira e ela me contou uma coisa engraçada, ela não é de São Paulo, e está meio traumatizada, porque sempre veio aqui comprar suas roupas e levar para o interior e gostava muito das vendedoras daqui, dizia que eram gentis e rápidas, mas nos últimos tempos andam nervosas e grosseiras, minha amiga disse- Iara, hoje se você não compra o que elas te sugerem, viram a cara e só faltam te bater!


E vejo isso em amigos com seus namorados e namoradas, eu mesma já me vi em situações assim, onde tudo o que eu dizia era uma ofensa pessoal ao Romeu, eu nunca vi uma coisa como essa, todas minhas escolhas eram um tapa na cara dele, nada ficava impune, até uma coisa boba como combinar um encontro em um parque, eu dizia que não curtia muito e aquilo chegava aos ouvidos dele como se eu tivesse ofendido a mãe.

Ontem mesmo uma amiga me dizia sobre o uso de perfumes florais no calor e eu dizia que preferia cítricos, aquilo parece que irritou ela, que insistia que o melhor nestes tempos é floral.

Pensar diferente é o que nos salva do tédio e tirando alguns assuntos não se pode viver assim, não dá nem para discutir política no Brasil, aqui a pessoa é um ''escroto do PSDB '' ou 

um '' corrupto do PT'', como eu não sou de um nem de outro, os dois se sentem ofendidos por mim.

Não entendo em que momento a panela virou e ficamos todos tão irritados, mas sinto que as pessoas estão ofendidas com tudo e não interessa o assunto do meu blog, se a pessoa não concorda  faz questão de me mandar um e-mail se dizendo ofendida.


É muito ruim viver e estar assim, até porque eu não penso mudar a linha do meu blog, nem mudar como eu sou na minha vida, se minhas opiniões são vistas como ofensas, então que a pessoa não leia meu blog, nem sente na minha mesa.


E aonde vai dar isso? Não tenho a menor ideia, vejo isso até na política, o diálogo se encerra quando alguém se sente ofendido, vejo no amor que acaba quando alguém escuta a pessoa dizer o contrário do que ela pensa e nas amizades que acabam por não pensarem a mesma coisa.


Eu gosto de diferenças e pessoas que pensam distinto a mim sempre me enriquecem, mas neste mundo de tanta gente dodói, fico receosa de magoar tantas almas.


Tem um ditado asteca que resume o que eu sinto do fundo da minha alma- Pode parecer pessoal, mas nada neste mundo é.


Iara De Dupont

Um comentário:

Suzana Neves disse...

Eu acho que evolui um pouco nisso eu sempre quero que as.pessoas deem razao para o meu ponto de vista,mas nao tenho mais essa necessidade,mas estou achando que um pouco tem haver com a temperatura?

Leia outros posts....

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...