ADICIONE O BLOG SMM AOS FAVORITOS! OBRIGADO PELA SUA VISITA E LEITURA!

DESDE 2010. ANO VI. MAIS DE 2.000 POSTS.

GUEST POST NO ESCREVA LOLA ESCREVA

CURTA NO FACEBOOK


E-MAIL
sindromemm@gmail.com

01 fevereiro 2014

O beijo de Félix e Niko: religiosos vocês perderam, voltem a suas igrejas

Félix e Niko: que esse beijo nos liberte a todos 

Ontem foi ao ar a tão esperada cena do beijo na novela "Amor à vida''. Todo o conflito entre exibir ou não a cena era apenas porque o beijo era entre dois homens e em um país provinciano como o Brasil, onde um padre tem mais poder que um presidente, um beijo entre homens vira um debate, todo mundo dá opinião, fazem questão de tirar a naturalidade do assunto, como se o beijo fosse coisa do outro mundo.

Mesmo assim e apesar de tudo, a Globo merece todos os reconhecimentos por ter levado a cena ao ar, me enchi de esperança, porque os bastidores da situação mostravam um país que eu não quero viver.

Não existe no Brasil um argumento político para impedir um beijo entre dois homens em horário nobre e não era apenas um beijo, era um beijo de amor de duas pessoas que tiveram a sorte de se achar, não era paixão, era amor do mais sincero.

O que impede o Brasil de mostrar a realidade dos gays é o poder religioso, que aqui tem categoria de medieval. Tanto a Globo como qualquer emissora não tem problemas com beijos, querem apenas audiência. Mas são muito pressionados pelos grupos religiosos, esses histéricos, cheios de líderes enrustidos.

Tudo fica no telefone, grupos religiosos apertam quem podem, ameaçam retirar apoios políticos e levam as emissoras a se manter na linha, que é bem clara, o Brasil que eles querem ver é hétero, branco e fiel de sua igreja.

Ao mostrar o beijo a maior parede foi derrubada neste país e não apenas pela causa gay, mas sim pela causa de todos, mostra a pessoas como eu que o poder religioso pode ser ignorado, vencido e um dia, quem sabe, com mais educação a religião volte ao seu lugar, o foro íntimo, no coração de cada um, mas jamais no poder público.

Momentos depois que o beijo foi mostrado líderes de igreja se retorciam nas redes sociais, jurando que o inferno estaria esperando o autor e os atores da novela.

Não tenho nada contra pessoas que ficam pregando o ódio em suas igrejas, acho péssimo, mas é escolha de quem vai assistir esses cultos, o que não tolero como cidadã é essa vontade maluca que existe no Brasil de queimar a Constituição e colocar no lugar a Bíblia. Isso não me representa e não quero poderes religiosos determinando minhas ações como cidadã. Se eles não gostam das cenas, o problema é deles, mas não quero eles ligando para as emissoras e dizendo o que eu posso ou não assistir.

A Globo pensa nos anunciantes e na audiência e desta vez, apesar de tudo o que dizem dela, foi justa, porque recebeu e-mails implorando para que a cena fosse ao ar e e-mails implorando para que não fosse '' em nome da família brasileira''.

O autor foi corajoso, mas eu me reservo os comentários, porque nunca vi uma novela tão machista e misógina, todas as mulheres aprontavam alguma coisa e todas foram punidas, ao contrário dos homens que acabaram na história amados e perdoados a beira da praia. Mas isso é outro post, hoje estou feliz demais, ver que os religiosos berram e gritam nas redes enche meu coração de alegria, que sintam na pele o mesmo ódio e intolerância que fazem questão de pregar.

O ponto aqui é apenas que onde as pessoas viram o beijo muitos como eu vimos uma luz no túnel, a esperança de poder enfrentar um poder religioso enlouquecido e economicamente forte.

Não quero mais viver em um país onde as decisões se tomam em ''nome de Deus'', um Deus que ninguém viu, nem comprovou sua existência. Não quero mais a sensação de que este país é governado por um livro religioso, não uma Constituição.

Esse beijo que Niko deu no Félix é o beijo que muitas pessoas esperavam, o beijo da esperança por dias melhores, menos preconceito e os religiosos fora da vida política. Talvez por isso tantos aplaudiram a cena e choraram junto, é a luz que entra e beija o rosto de todos nós, aqueles que sonhamos com liberdade e justiça, coisa que só se consegue com igualdade  e leis, não com promessas  de ir ao céu. 

Iara De Dupont

11 comentários:

Alexandre disse...

Oi. Não vou me alongar neste comentário, apenas gostaria de dizer à você que as suas palavras são aquelas que eu desejaria dizer, mas não sabia como colocá-las dessa forma brilhante como você fez.

Parabéns e lhe peço autorização para re-publicar sua postagem no meu Blog, claro, com os devidos e justos créditos.

Um abração e mais uma vez parabéns por dizer aquilo que eu não tive talento para expor.

Alexandre Gonçalves de Souza

Iara De Dupont disse...

Obrigado Alexandre pelas gentis palavras!
E vou adorar ver meu post no seu blog, te agradeço o espaço.
Abraço!

Alexandre disse...

Boa tarde Iara. Acredite, as palavras são sinceras. Re-publiquei hoje o seu artigo sem mudar uma única palavra, apenas no título da postagem citei uma frase sua do artigo que acredito "resumir" o seu e também o meu pensamento, e dei uma "grifada" em partes do texto. Segue abaixo o link da postagem e, caso você queira alterar ou corrigir algo por favor fique a vontade ok?

Mais uma vez muito obrigado pela autorização e confiança. Acho que vou virar seu fã rsrs.

LINK DA POSTAGEM: http://prazeralexandre.blogspot.com.br/2014/02/nao-quero-mais-viver-em-um-pais-onde-as.html

Grande e carinhoso abraço,

Alexandre

Iara De Dupont disse...

Alexandre, fui lá no te blog e queria te agradecer o espaço, ficou tudo lindo e perfeito, muito obrigado! E já virei fã do teu blog, tem informações muito importantes, acho ótimo você divulgar e ir ajudando a acabar com tanta ignorância.
Vou até deixar o link aqui, para o pessoal dar um pulo por lá porque vale a pena a visita:

http://prazeralexandre.blogspot.com.br

beijo e obrigado!

Iara De Dupont disse...

Alexandre, fui lá no te blog e queria te agradecer o espaço, ficou tudo lindo e perfeito, muito obrigado! E já virei fã do teu blog, tem informações muito importantes, acho ótimo você divulgar e ir ajudando a acabar com tanta ignorância.
Vou até deixar o link aqui, para o pessoal dar um pulo por lá porque vale a pena a visita:

http://prazeralexandre.blogspot.com.br

beijo e obrigado!

Anônimo disse...

Ola Iara,
Não me consider xiita nem gosto do rotulo de religiosa mas sou evangelica. Claro que estou acostumada a ser taxada de ignorante e alienada para citar o basico. Ha alguns anos assisto pouquissimas novelas por ter me apaixonado por series e por questao de tempo,alem de achar as novelas atuais sem graça,coisa de quem cresceu nos anos 90 antes da globalização e achava as novelas o melhor entretenimento do mundo,e acho que era mesmo. Assisti amor a vida,gostei no incicio,me entendiei no meio mas ja que estava assistindo continuei. O beijo gay nao me incomodou como não incomodou muitos amigos meus que assistem as novelas,nem todo evangelico é preconceituoso,nem todo religioso é fanatico. Infelizmente gordofobia e outros preconceitos não são levados a sério,racismo e homophobia é,e tem mesmo que ser,mas e quanto ao resto da sociedade? Aguenta. Bom,s[o deixei aqui porque leio seu blog assiduamente ,náo concord com tudo claro,mas te acho brilhante nas suas colocações,alem do mais gosto de quem escreve com a alma e me faz pensar,mas te garanto que tem muito mais religiosos que não se encaixam nesse rótulo do que voce imagina.
Bjs

Anna

Anônimo disse...

Acho que a globo aproveitou muito bem o momento,poderia perder o bonde e outra emissora se adiantar,ponto pra ela que fez um belo marketing com isso,mas que não muda os valores não muda,inclusive dentro da propria emissora,na minha opiniao nao muda nada na sociedade ainda,muda para a imagem da globo.

Cristiane

Iara De Dupont disse...

Anna, tudo bem? Faz tempo que não te vejo por aqui, você sempre é muito bem vinda..

Quanto a questão das pessoas religiosas é o seguinte, meu problema não são as pessoas que seguem a religião que escolhem, mas sim os líderes religiosos, esses me assustam e mais ainda com o poder que eles têm no Brasil.

Tenho amigas evangélicas e respeito muito a escolha delas, mas eu vejo elas nos fins de semana subindo favelas e indo a presídios levar um pouco de consolo espiritual, enquanto isso vejo os líderes evangélicos comprando aviões particulares.

E penso a mesma coisa dos católicos, quando minha avó ficou doente conheci freiras que trabalhavam sem parar e sem nenhum conforto, enquanto o Papa vive do bom e do melhor.

Então jamais me direciono as pessoas religiosas,mas sim aos líderes abusivos que estão no poder, são eles que pegam o telefone e mandam suspender um programa de televisão, não são os fiéis da igreja que fazem isso. Tem muita gente que se deixa levar por esses líderes, mas a grande maioria ainda acredita.

E sinceramente eu acho que se é para acreditar que seja em Jesus, Buda, ou alguém que deixou sua mensagem sem pedir nada em troca, mas quem coloca preço no seu sermão não tem minha consideração.

E considero a religião importante para a alma, infelizmente as pessoas se aproveitam dessa carência que todos temos para nos explorar.

Te agradeço tua opinião, se sinta sempre a vontade para dizer o que pensa e fico feliz quando as pessoas vem aqui e dizem que não concordam com muito do que escrevo, mas gostam de ler, isso me enche de alegria, porque não quero que concordem comigo, apenas que tenham prazer me lendo!

Beijos e não suma mais!

Iara De Dupont disse...

Anna, tudo bem? Faz tempo que não te vejo por aqui, você sempre é muito bem vinda..

Quanto a questão das pessoas religiosas é o seguinte, meu problema não são as pessoas que seguem a religião que escolhem, mas sim os líderes religiosos, esses me assustam e mais ainda com o poder que eles têm no Brasil.

Tenho amigas evangélicas e respeito muito a escolha delas, mas eu vejo elas nos fins de semana subindo favelas e indo a presídios levar um pouco de consolo espiritual, enquanto isso vejo os líderes evangélicos comprando aviões particulares.

E penso a mesma coisa dos católicos, quando minha avó ficou doente conheci freiras que trabalhavam sem parar e sem nenhum conforto, enquanto o Papa vive do bom e do melhor.

Então jamais me direciono as pessoas religiosas,mas sim aos líderes abusivos que estão no poder, são eles que pegam o telefone e mandam suspender um programa de televisão, não são os fiéis da igreja que fazem isso. Tem muita gente que se deixa levar por esses líderes, mas a grande maioria ainda acredita.

E sinceramente eu acho que se é para acreditar que seja em Jesus, Buda, ou alguém que deixou sua mensagem sem pedir nada em troca, mas quem coloca preço no seu sermão não tem minha consideração.

E considero a religião importante para a alma, infelizmente as pessoas se aproveitam dessa carência que todos temos para nos explorar.

Te agradeço tua opinião, se sinta sempre a vontade para dizer o que pensa e fico feliz quando as pessoas vem aqui e dizem que não concordam com muito do que escrevo, mas gostam de ler, isso me enche de alegria, porque não quero que concordem comigo, apenas que tenham prazer me lendo!

Beijos e não suma mais!

Iara De Dupont disse...

Anna, tudo bem? Faz tempo que não te vejo por aqui, você sempre é muito bem vinda..

Quanto a questão das pessoas religiosas é o seguinte, meu problema não são as pessoas que seguem a religião que escolhem, mas sim os líderes religiosos, esses me assustam e mais ainda com o poder que eles têm no Brasil.

Tenho amigas evangélicas e respeito muito a escolha delas, mas eu vejo elas nos fins de semana subindo favelas e indo a presídios levar um pouco de consolo espiritual, enquanto isso vejo os líderes evangélicos comprando aviões particulares.

E penso a mesma coisa dos católicos, quando minha avó ficou doente conheci freiras que trabalhavam sem parar e sem nenhum conforto, enquanto o Papa vive do bom e do melhor.

Então jamais me direciono as pessoas religiosas,mas sim aos líderes abusivos que estão no poder, são eles que pegam o telefone e mandam suspender um programa de televisão, não são os fiéis da igreja que fazem isso. Tem muita gente que se deixa levar por esses líderes, mas a grande maioria ainda acredita.

E sinceramente eu acho que se é para acreditar que seja em Jesus, Buda, ou alguém que deixou sua mensagem sem pedir nada em troca, mas quem coloca preço no seu sermão não tem minha consideração.

E considero a religião importante para a alma, infelizmente as pessoas se aproveitam dessa carência que todos temos para nos explorar.

Te agradeço tua opinião, se sinta sempre a vontade para dizer o que pensa e fico feliz quando as pessoas vem aqui e dizem que não concordam com muito do que escrevo, mas gostam de ler, isso me enche de alegria, porque não quero que concordem comigo, apenas que tenham prazer me lendo!

Beijos e não suma mais!

Anônimo disse...

É Iara,a religião é um campo imenso para psicopatas,voce ja deve ter ouvido falar que muitos psicopatas escolhem a politica e a religiao porque amam o poder,é a mais pura verdade.
Eu ando muito ocupada,ando comentando pouco mas lendo muito,não consigo ler todos os dias mas ao menos uma vez por semana me atualizo,ainda bem que voce não para de escrever.Amo,
Bjs
Anna

Leia outros posts....

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...