ADICIONE O BLOG SMM AOS FAVORITOS! OBRIGADO PELA SUA VISITA E LEITURA!

NOVIDADE!

NOVIDADE!

Nota:O formato PDF dos livros acima pode ser acessado em qualquer plataforma, inclusive Windows, Mac OS e plataformas móveis como Android e iOS para iPhone e iPad.

Os posts mais lidos viraram livros e não estão mais disponíveis no blog.

DESDE 2010. ANO VI. MAIS DE 2.000 POSTS.

GUEST POST NO ESCREVA LOLA ESCREVA

CURTA NO FACEBOOK


E-MAIL
sindromemm@gmail.com

19 outubro 2013

Ele é bom, só perdeu a cabeça....


A irmã de uma amiga tinha terminado com seu namorado, mas agora mudou de ideia e resolveu voltar com ele.
Parece que é um bom rapaz, mas um dia ''perdeu a cabeça'' e bateu nela. E essas coisas acontecem, quem não perde a cabeça?
Gostaria de ter fé na humanidade e pensar que pode ter sido apenas um momento ruim, mas já passou e o relacionamento vale a pena, finalmente uns tapas não matam ninguém.
Mas esses dias de acreditar já estão longe demais de mim. Na minha cabeça conservadora quem bate uma vez, vai bater outra. Existem milhões de maneiras de perder a cabeça e bater em uma mulher não é uma delas.

Uma vez briguei com meu irmão e ele quebrou a porta do banheiro, porque ''perdeu a cabeça'', mas não encostou em nenhuma mulher da casa.

E não culpo a irmã da minha amiga, também recebi essa educação, me diziam que homens eram nervosos e bons de briga, se as mulheres provocassem eles reagiam, as mulheres que conheci que apanhavam nunca tiveram apoio, finalmente eram pessoas ruins que provocavam seus maridos e levavam seu merecido.
O que não entendo é tolerar esses comportamentos nestes tempos modernos, onde já se sabe que tudo isso de homens nervosos e agressivos é conversa para boi dormir, não tem desculpa para bater em mulher.

A moça da história trabalha e me atrevo a dizer que acredito que ganha mais, não depende do homem economicamente, mas muitas mulheres adoram fazer caridade, se envolvem com homens-problemas, pensando que vão arrumar os coitados e ensinar eles a amar.
Já passei por isso e até achava fofo, mas hoje não tenho mais tempo para salvar essas almas das trevas, vivo em uma teoria egoísta, agora prefiro ser amada do que ensinar uma alma perdida a amar.

O que nós mulheres às vezes temos uma certa dificuldade em entender é que a fila anda e existem coisas que não são perdoáveis, não temos tempo para gastar na vida alheia, se o homem não tem caráter, bate em mulher, não respeita, não adianta ficar ali, é melhor sair fora e procurar outro.


A educação com todas foi clara, aprendemos a perdoar os erros dos outros e condenar os nossos, mas a matemática funciona ao contrário na vida real.
Talvez essa moça consiga melhorar um pouco o rapaz, depois que isso acontecer ela vai levar um fora, ele vai embora com outra, porque ninguém fica com sua professora, prefere procurar uma aluna.

É uma dificuldade enorme colocar o nome das coisas, o nome certo. Fofo é um urso panda, não um homem que bate e pede perdão. Lindo, meigo, é um cachorrinho, não um homem que mente e se desculpa. Mulheres não vêem homens como seres completos, sempre pensam que eles precisam de amor e elas podem dar. Até podem, mas o preço é muito alto.

Deus não avisou e ninguém veio com manual de uso, mas a vida é uma coisa individual, de cada um, ninguém chegou aqui com etiquetas para cuidar da vida dos outros e colocar homens canalhas nos trilhos. Na verdade lugar de homem que bate em mulher não é nos trilhos, é de preferência na frente do trem.
E os tempos de heroína e resistente da revolução já se passaram, hoje mulher que apanha de um homem e perdoa é burra, sem noção do perigo, não é mais aquela alma pura que apenas quis salvar ''seu homem''. É uma alma tão perdida quanto a dele, uma alma tão afastada de tudo que se entrega para salvar os outros. Nos romances fazer isso é uma coisa fantástica e linda, na vida real é burrice.



Iara De Dupont

Um comentário:

mariane tinoco disse...

Concordo em gênero, número e grau...Até porque ja passei por esse tipo de situação, e sei que dificilmente o agressor muda...Colho os efeitos dessa agressões até hoje, e digo que nada, nenhum motivo é válido para justificar esse tipo de atitude...

Leia outros posts....

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...