ADICIONE O BLOG SMM AOS FAVORITOS! OBRIGADO PELA SUA VISITA E LEITURA!

DESDE 2010. ANO VI. MAIS DE 2.000 POSTS.

GUEST POST NO ESCREVA LOLA ESCREVA

CURTA NO FACEBOOK


E-MAIL
sindromemm@gmail.com

03 agosto 2013

Esqueci de agradecer , mas voltei pra isso...





De vez em quando preciso de uns dias para pensar sobre alguma coisa que aconteceu. E fico chateada quando percebo que dei alguma mancada e não agradeci a pessoa que me fez um favor.
Na minha escala de valores acho que pessoas mal agradecidas são uma das piores coisas do mundo e posso ter mil defeitos, mas evito escorregar e tento ser agradecida, mas às vezes eu não percebo o favor e acabo sem agradecer.

Faz pouco tempo que vi uma pessoa, mas como foi um dia corrido ficamos de nos ver depois. Falei com essa pessoa uns dias antes do encontro e percebi alguma coisa estranha ali, na hora no meio da confusão eu senti, mas não fui rápida o suficiente para ver o que estava acontecendo e assim ignorei todos os sinais.

Marcamos o encontro e essa pessoa não chegou. Nos primeiros dias fiquei muito puta da vida, achei um absurdo e continuo achando, alguém marcar um compromisso e não ter nem a dignidade de avisar que não vai comparecer, como se a outra parte envolvida fosse uma parede.

Mas me ceguei pela raiva e não percebi que a pessoa apenas teve a gentileza de me fazer um favor. Não havia motivos suficientes, eu diria nenhum, para um segundo encontro. Tudo ali eu tinha empurrado sem motivos reais, não havia nada que justificasse a gente se ver de novo, então ao não aparecer a pessoa me fez o favor, me evitou um constrangimento de perceber no meio de uma situação que não havia motivos para ela acontecer.

Eu não percebi o favor porque fui arrogante, porque fiquei presa na ideia do cano que tinha levado e meu ego não me permitiu ver que a pessoa tinha sido um milhão de vezes mais inteligente do que eu e percebeu que não estávamos na mesma freqüência, então não tínhamos porque nos ver de novo.

Só precisei de tempo para ver o que tinha acontecido, fiquei com tanto ódio do cano que não percebi que era melhor um cano do que me ver em uma situação que eu não tinha certeza se queria passar ou não.
Sempre li isso, em caso de dúvida chame seus anjos da guarda e deixe que eles decidam, porque no meio da confusão não vemos a situação inteira e depois que passa percebemos do que nos salvamos.

Se já foi ruim levar o cano, não quero nem pensar como o resto teria sido pior e sem sentido, porque um cano revela tudo o que a pessoa sente em relação a nós, muita gente discorda e diz que pode ser medo, mas o medo também revela, qualquer emoção revela.

Eu fiquei tão brava que esqueci de avisar a essa pessoa pelo favor que me fez, por ter percebido que nada ia dar em nada e era melhor para as duas partes evitar um segundo encontro sem absolutamente nenhum sentido.

E tudo tem que fazer sentido na vida? Não, mas pelo menos a gente tem que acreditar que faz, se não ninguém se mexe. Desde que eu falei com essa pessoa dias antes eu recebi todos os sinais, a conversa era desviada a lugares estranhos, respostas desconhecidas vinham na minha direção, brincadeiras sem noção eram disparadas e as linhas não faziam sentido. Mas eu joguei a culpa no céu, no mar, na lua e não quis ler o que estava escrito, eu já estava naquele momento levando o cano, o fora. Quando a gente fala com uma pessoa e não reconhece o que antes era familiar é porque algum cabo se rompeu.

Depois do cano eu falei um monte pra pessoa, não tive a sabedoria de perceber o grande favor que tinha me feito. Na hora que eu marquei o segundo encontro minha cabeça estava em outro lugar, movida a coisas fúteis e superficiais e naquele momento eu não teria como discernir o que estava fazendo, não tive o panorama inteiro e não pensei nisso. Mas a pessoa ao me dar o cano me fez um grande favor, é melhor a sensação ruim de levar um cano do que a sensação de ter feito algo que não tinha motivo nenhum para ser feito.

Só percebi o tamanho do favor nos últimos dias e sei que não tem mais sentido mandar um e-mail para essa pessoa e agradecer, mas gostaria que um dia soubesse disso, que hoje sou grata pelo o que fez, pela situação que me evitou e por ter sido mais inteligente do que eu e ter percebido que aquilo não ia dar em nada. Quero agradecer de coração aberto, porque favores a gente agradece e esse foi um dos bons.

Iara De Dupont

Nenhum comentário:

Leia outros posts....

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...