ADICIONE O BLOG SMM AOS FAVORITOS! OBRIGADO PELA SUA VISITA E LEITURA!

DESDE 2010. ANO VI. MAIS DE 2.000 POSTS.

GUEST POST NO ESCREVA LOLA ESCREVA

CURTA NO FACEBOOK


E-MAIL
sindromemm@gmail.com

19 junho 2013

Hoje acordei brasileira



Depois de uma péssima noite por questões pessoais,eu acordei de manhã e vi uma coisa estranha no meu e-mail. Por milhões de motivos conheci muitos estrangeiros ao largo da minha curta vida. E desde que eu conheço eles, o Brasil já ganhou não sei quantas Copas e eventos esportivos e nunca recebi nenhum e-mail de parabéns, mas hoje minha caixa de emails tinha vários me parabenizando pelos protestos.

Eu não sou líder deles nem inventei nada, mas enchi o peito de orgulho. Nunca senti isso antes. A sensação de abrir um e-mail e receber um parabéns pelo momento histórico que está acontecendo me enche de certezas.

Tenho meu blog há três anos e sobram aqui textos sobre minha revolta com a mentalidade brasileira. Me sentia uma visitante inconveniente, o país parecia ter donos, aqueles que andam de jatinhos, conhecem as melhores partes daqui e governam o país. Eu me sentia a formiga, pequena, chata, preocupada com picuinhas e revoltada com impostos e falta de tudo. Parece que eu e outros reclamávamos de tudo, cansei de receber e-mails aqui dizendo que se eu não gostava, por que não ia embora?Porque é minha casa, simples assim, não sou eu que tenho que ir embora daqui.

E não fui aos primeiros protestos por medo da polícia, até que sem querer me envolveram em um e percebi que meu direito a protestar tinha sido tirado, então resolvi ir aos outros. E não fui só pelos vinte centavos, fui porque meus direitos vem sendo tirados um a um e pela falta de política direcionada as mulheres. Meu útero é motivo de discussão nas bancadas religiosas, apesar do Estado laico. Meus direitos como mulher nunca existiram, por isso resolvi sair. E encontrei gente que estava ali porque teve um filho assassinado e quer mudanças na lei, outra queria creches, outro luz na rua, apesar de pagar impostos. Os vinte centavos agora não existem mais. O governo pode recuar, pode mudar e reduzir a passagem, mas eu não quero apenas isso, não tenho mais como tolerar viver sem os meus direitos e todos,não as migalhas deles.

Em São Paulo o prefeito promete pensar a respeito dos vinte centavos. Pode pensar. Eu quero o sistema de saúde funcionando, quero ver meu filho em uma escola pública boa, quero andar de bicicleta e não ser enforcada pelos impostos. E se tiver que sair a rua todos os dias por isso,eu vou sair.

Tenho uma sensação de felicidade enorme ao pensar que todas as lideranças políticas deste país estão na parede tremendo, sem saber o que fazer. Simplesmente porque eles não são os donos daqui e nem eu ou milhões de brasileiros somos os convidados inconvenientes. São eles.

Poucas coisas são tão comoventes como ver uma multidão se recusando a carregar bandeiras de partidos. Finalmente os brasileiros entendemos isso, não somos ovelhas de um partido ou outro, somos cidadãos e queremos ver este país nos trilhos, sem bandeiras, sem essas divisões que têm nos destruído ao longo dos anos.

Pensei que só eu estava exausta de tanta corrupção, de tanto dinheiro desviado de hospitais, de creches, do básico do básico.

Fiquei feliz ao responder aos meus amigos que nós brasileiros não somos bananas, nem omissos, somos boas pessoas que sofremos todos os tipos de abusos ao longo das décadas, mas hoje isso acabou. E não somos idiotas que só pensam em futebol e televisão de plasma. Chega. E não são vinte centavos, é a falta de transparência em tudo e a corrupção.

Quero muito ter filhos aqui, neste céu de brigadeiro, que sejam brasileiros, que tenham no sangue essa alegria de viver, essa vontade que poucos povos têm.

Quero que meu filho tenha os direitos que a corrupção me tirou. Quero que seja um cidadão deste país, que carregue a bandeira com amor e orgulho e um dia quero dizer a ele, olhando nos seus olhos  ''Este país é teu, porque todos os brasileiros  foram as ruas a pegar de volta o que nos foi roubado e hoje teus direitos são reconhecidos porque nós mudamos a história''.
Quero meu filho verde e amarelo. E quero entregar este país nas mãos dele e dizer ''Você nasceu no melhor lugar do mundo''.

Iara De Dupont 

2 comentários:

Anônimo disse...

Ola Iara,

Me desculpe,mas por mais justo e bonito que seja tudo isso,nao entendo porque depois de tanta gente morrer em fila de hospital,professor ser espancado na escolar,arrastao em praias,corruptos sem punicao,so agora o povo acordou.So acredito nessa consciencia politica,nessa uniao toda quando resolverem protestar por toda a nossa vergonha.Me desculpe mais uma vez,mas somos sim bananas e omissos,podemos deixar de ser a partir de agora,mas ate agora fomos sim,preferimos fazer piada com a nossa desgraca a levanter a bunda do sofa na hora da novella das 8,com muitas excecoes,claro,sempre teve gente que se mobiliza,se organiza pra ajudar de alguma maneira a sociedade.O que vejo agora? Um belo movimento,alguns conscientes e muitos,mas muitos na onda,achando tudo bonito,mas ainda alienadaos. Acredito sim que seja um grande passo,todo país desenvolvido protesta,se mobiliza,reclama e sao ouvidos. Só vou acreditar em reais mudanças quando a sociedade cobrar da própria sociedade,dos politicos,de si mesmo,se engajando em campanha de educacao,consciencia politica,porque caminhar de branco e esbravejar ja esta provado que nao adianta nada. Nao me tenha como pessimista,acredito sim que seja um enorme passo,espero que seja o inicio da mudanca,quem sabe nossos netos vejam essa mudanca.
Bjs

Lia

Iara Sindrominha disse...

Concordo,o povo demorou demais...eu nunca entendi quando acontecia alguma coisa terrível,uma criança era morta de maneira cruel e covarde e as pessoas não invadiam as ruas para exigir mudanças na lei...mas é melhor tarde do que nunca...

É difícil concretizar tudo o que acontece no movimento,porque teríamos que ser um país instruído,com os projetos na mão e isso não acontece,mas mesmo assim as manifestações podem mudar muitas coisas,a primeira delas é o silêncio dos escravos diante dos coronéis,porque como povo estavámos agindo assim,ficavámos quietos diante dos abusos dos coronéis e eles vinham cansando nossa beleza.Essa é uma grande lição que os protestos estão dando,todos esses coronéis estão nas suas salas,gelando,sem saber o que fazer,porque ninguém sabe do que uma multidão é capaz....mesmo que acabe nas mesmas,que não existam mudanças concretas,isso já ficou escrito na pedra para eles,não somos cegos e estamos vendo os abusos cometidos e os roubos.Podemos ser cornos e mansos,mas um dia a gente cansa.É como aquela velha história do corno manso,de tanto levar chifre um dia o cara acorda e mata a mulher e o amante.No nosso caso espero que aconteça isso,que a gente possa matar esse silêncio e essa impressão que o governo tinha dos brasileiros,que era só jogar uma televisão de plasma na nossa sala e a gente não ia reparar em todos os roubos cometidos na construção de estádios.Para mudanças reais falta muito,inclusive estrutura,porque o governo pode recuar e tirar os 20 centavos,mas eles jogam esses 20 centavos em outra conta,nem que seja no preço do tomate,mas ficar sem esse lucro eles não ficam.Mas pelo menos eles estão vendo que barulho é uma coisa péssima para a política que eles vem fazendo de um país pronto pra receber grandes eventos.Aos olhos do mundo deixamos de ser um país confiável e isso como diz a propaganda,não tem preço,porque pela primeira vez na história lideranças políticas estão perdendo tanto quanto nós.

Leia outros posts....

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...