ADICIONE O BLOG SMM AOS FAVORITOS! OBRIGADO PELA SUA VISITA E LEITURA!

DESDE 2010. ANO VI. MAIS DE 2.000 POSTS.

GUEST POST NO ESCREVA LOLA ESCREVA

CURTA NO FACEBOOK


E-MAIL
sindromemm@gmail.com

08 maio 2013

Boicota São Paulo (aff,cidade mais cafona e brega!)

 
Tem horas que tenho vontade de mudar de cidade.Eu nasci e cresci em São Paulo,a cidade mais cafona e jeca de todas,a cidade que acredita ser um pólo cultural e a engrenagem econômica do país,mas não passa de uma cidade de jecas,metidos a besta,a cidade mais brega do mundo,onde jequice vai além de ser um estado de espírito.

Faz um tempo que começou um movimento que se chama Boicota São Paulo.A idéia é a seguinte,em São Paulo os restaurantes e lugares de entretenimento são abusivos nos preços,então alguém teve a idéia de abrir uma página no Facebook para denunciar esses abusos,assim o movimento virou uma coisa muito boa,pelo menos colocou na parede estabelecimentos que cruzam todos os limites e cobram demais.

Tudo que sirva para denunciar vale a pena,principalmente em relação aos preços.

Vários proprietários de restaurantes já reagiram,até o famoso Oliver Anquier,o padeiro chique da França.Ele tem razão em um argumento,os proprietários também pagam impostos e são roubados nisso,também pagam pela mercadoria três,quatro vezes o preço,porque no geral todos são roubados,no Brasil TODOS são roubados.

Quem pode dizer que ele não tem razão?Já tive familiares que se meteram em negócios de restaurantes,a coisa é pior do que parece,vai desde fiscais corruptos que o estabelecimento pode estar brilhando,eles exigem propinas para não  fechar o lugar,o preço dos alimentos sobe e desce e muitos desaparecem no meio da safra e ainda por cima tem que pagar a caixinha dos guardas para fazerem uma ronda por ali.É tanta coisa que fica difícil escrever aqui.

O movimento está certo,mas nada no momento é apenas um problema,estão todos ligados.Para uma pessoa sair a noite de carro em São Paulo e ir a um bom restaurante precisa de carro.E chegando lá,quanto custa estacionar?E se deixar na rua,na mão dos flanelinhas?O roubo já começa ai,não precisa nem entrar no restaurante.E quem garante que o lugar não vai ser assaltado no meio da noite?E quem garante a segurança da pessoa ao sair e voltar pra casa?´
É isso que me tira do sério,os paulistas não percebem que TODO o sistema faliu,não é apenas uma fatia de abacaxi que custa doze reais,é o sistema todo que colapsou,que quebrou,de segurança,de direitos,de TUDO.

Mas paulista é metido,acha que São Paulo é o pólo gastronômico do mundo,na verdade até podia ser,mas os preços abusivos e a falta de segurança fazem de São Paulo um lugar para se pensar duas vezes antes de sair de casa.
Resumindo,os cidadãos deste país,desta cidade,são roubados em tudo,em vez de fazerem um movimento de Boicota São Paulo,deveriam fazer um para boicotar os impostos,esses sim que derrubam a todos.

Mas a classe média paulista é assim,cheia de marra,quer sair na rua e ir a restaurantes bons e pagar como se estivesse em New York.Mas não está,pelo contrário,o Brasil é um Vietnã,apenas mais cheio,mas continua sendo tão desenvolvido e justo como a Malásia.O paulista não entende isso,antes de mudar leis,quer mudar as coisas na marra,coisa da classe média,acham que só por reclamar no Facebook vão transformar a noite de São Paulo,perigosa e violenta em uma noite na Suécia tranquila e segura.

Pela segurança na cidade ninguém faz nada,mas um nhoque de 76 reais faz o pessoal protestar aos berros no Facebook.
Paulistas são cafonas e metidos mesmo,eu as vezes sonho com me mudar para uma cidade nos confins do mundo,para sair desse ambiente de corte falida,de gente cafona que acha que só porque leu a Revista Veja da semana sabe o que está falando.

E eles não sabem ler cardápio?Lêem a Folha e não sabem ler um menu?Se eu entro em um lugar e vejo no menu que uma fatia de abacaxi custa doze reais,eu vou embora,mas o que um paulista cafona faz?Paga,tira a foto e vai fazer mimimimi no Facebook.
Tanto para reclamar e eles preocupados com as fatias de abacaxi.Mas é caro!Ótimo,então não voltem e assim o restaurante vai a falência,qual o problema?

Preços abusivos são o último problema nesta cidade.Eu acho mais assustador passar por um arrastão em uma pizzaria ou restaurante do que pagar doze reais por uma fatia de abacaxi.
Mas é importante denunciar e registrar nossos direitos como consumidor!Também apoio,concordo e assino embaixo e se amanhã eu ver um preço abusivo eu vou na página denunciar,acredito em todas as denúncias,mas quero lembrar que não temos direitos como consumidor,porque ainda nem temos direitos como cidadãos.Não adianta gritar no Facebook,para o sistema ainda não existimos.
 
Iara De Dupont (Sindrominha)

5 comentários:

Anônimo disse...

Iara,
Como paulista concord inteiramente com voce,nasci e passei uma parte da infancia na cidade,tenho algumas boas lembrancas,nunca quis voltar pra morar,mas ha 5 anos atras passei 5 meses por questoes de trabalho,odiei,alem de tudo o que voce falou,se eu tenho que gastar metade de um dia pra atravessar a cidade ou sair do trabalho a tardinha e nao saber se vou chegar em casa no mesmo dia caso chova,to fora.Perguntei uma vez a uma amiga qual lugar do mundo ela escolheria pra viver se pudesse,ela disse Sao Paulo,achei que ela nao tivesse entendido a pergunta e perguntei de novo,hahaha ela acha Sao Paulo o melhor lugar do mundo pra viver.O custo de vida de sampa e mais alto que Nova Yorque e li que mais alto que Londres(que Londres duvidei na ocasiao porque estive la e e de doer)talvez seja verdade.Ate os meus 25 anos eu amava cidade grande,os soppings,o glamour,a variedade de gente,me pai e do interior de Goias,viveu muitos anos em sampa e dizia ser o inferno,ele era policial militar,hoje entendo porque ele pensava assim.Hoje do alto dos meus 38 anos se eu pudesse escolher uma cidade para viver eu escolheria uma charmosa cidade do interior,nao se come bem como em Sampa,nao tem tantos servicos,nem abusos,nem transito,nem violencia,nem a jequice hahaa.Viu como estou aprendendo a matematica da tia Iara?
Bjs
Anna Lara

MiIly Costa disse...

Queria Iara, o sistema ruiu para o país inteiro, não só para SP, vem aqui em Salvador e sinta a minha dor, preços por produtos e serviços caro é o de menos, tente andar nessa cidade e me conte se consegue, temos o terceiro maior valor de passagem de ônibus, e não temos ônibus suficiente para a população, não tem policia suficiente nem para protege a própria policia imagina a população, como sair de casa se não tem transporte e nem segurança? Sair de carro não tem estacionamento e por na rua tem que pagar para não sofrer ameaças porque aqui os flanelinhas são os próprios assaltantes, sem contar que a cidade não cabe mais o numero de carros, se o seu abacaxi custa 12 o nosso custa 8 ou 10, mas imagine que o salario de SP é três vezes maior que o de Salvador, logo somos roubados no minimo cinco vezes mais que vocês, e de fato eu, você e o resto da população ate pagaria caro pelo abacaxi se não tivéssemos tanto medo de ir ate o local e pudêssemos sentar e come-lo em paz, sem medo de arrastão. Logico todo mundo paga imposto e tem que repassa-los para lucrar, mas o problema é que viver no Brasil é pagar pra ser roubado e ainda ter que ficar calado.

Poeta da Colina disse...

É exatamente isso, não existimos na sociedade apenas quando nos convem.

E acho que você resumiu tudo dizendo: o sistema todo está falido.

Está é a grande verdade.

Anna disse...

Achei esse texto extremamente preconceituoso. Não é por fazer parte de um grupo que tudo o que você disser sobre ele é aceitável. Como paulistana, não aceito determinadas ofensas. Não sou cafona, nem jeca, nem faço mimimi no facebook. Amo minha terra e luto por ela das maneiras possíveis. Não vou a lugares que meu bolso não alcança, e é isso que as pessoas que reclamam não entendem. Uma cidade como São Paulo, que é sim polo econômico, gastronômico, cultural, tem estabelecimentos para todos os bolsos e gostos. E toda cidade grande é assim. Nem por isso vou achar bonito e aplaudir alguém que se sinta no direito de generalizar 11 milhões de pessoas baseando-se no seu próprio espelho. Mandou mal.

Anônimo disse...

Iara, mais uma vez, perfeita em tudo o que escreve. Pena que os jecas não entendem, né?! Depois reclamam, mas é nessas horas, da interpretação de um belo texto como o seu, que sabemos quem é quem.

Leia outros posts....

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...