ADICIONE O BLOG SMM AOS FAVORITOS! OBRIGADO PELA SUA VISITA E LEITURA!

DESDE 2010. ANO VI. MAIS DE 2.000 POSTS.

GUEST POST NO ESCREVA LOLA ESCREVA

CURTA NO FACEBOOK


E-MAIL
sindromemm@gmail.com

22 abril 2013

Quem está preparado para ser fiel?



Quando era pequena minha avó dizia para fugir de homens que gostassem de bebidas, drogas, cigarros, mulheres e jogos. Aprendi que homens mulherengos eram um pesadelo, porque aquilo era um desvio de caráter e uma falta de respeito com sua família, homem que não gostava da família fazia isso, era infiel.

Puladas de cerca eram comuns nos casamentos que acompanhei, então peguei raiva mesmo de homem mulherengo. Quem já viu isso na família sabe toda a dor que traz a descoberta de uma amante, o cristal quebra, o silêncio impera e parece que tudo ali foi culpa da pessoa que foi infiel e não respeitou sua família.

Mas uma psicanalista, Regina Navarro, insiste em dizer que a monogamia já era, mudança de tempos, daqui pra frente as únicas relações que vão resistir serão as abertas, onde cada um é dono de sua sexualidade e faz o que bem entender com ela. Em um ponto concordo com Regina, é possível amar profundamente alguém, mas sentir atração por outra pessoa. E a biologia prova que Regina está certa, o ser humano não é naturalmente monogâmico, apenas 6% de todas as espécies animais no mundo descobertas e registradas são monogâmicas. A natureza humana é assim, sem certezas, cheia de dúvidas e vontades. E finalmente ser mulherengo é apenas uma característica de alguns homens, é a natureza deles, mesmo que isso possa parecer um desvio moral. Também existem mulheres infiéis, estão como os homens, seguindo sua natureza, talvez porque essa seja a essência do ser humano, de conhecer, procurar, experimentar. Finalmente o casamento, os relacionamentos e as juras de amor são convenções sociais construídas ao longo dos séculos, não aparecem na história como características naturais no ser humano.

Mesmo que a ciência diga isso e todos nós sabemos que o ser humano se move por impulso, a  ideia da monogamia parece interessante, já o contrário parece desconfortável, não é tão fácil aceitar que o namorado ou marido tenha uma vida aparte, mesmo você tendo a sua.

Pra mim isso não ia ser um bom negócio, sou naturalmente preguiçosa para relacionamentos humanos, principalmente os que envolvem a paquera. Não acho o ser humano tão interessante assim para sair catando gente diferente todas as semanas, nem de vez em quando.

Mas concordo que existe uma realidade e está diante de nós, as coisas mudaram. Sempre existiram pessoas infiéis, mas hoje as circunstâncias facilitam mais para todos e com tanta informação e pornografia disponível parece que todos querem experimentar tudo o que está lá fora.

Desde que me conheço por gente a fidelidade sempre foi super valorizada em um homem, conheço casos de homens que são uns trastes, mas respeitados porque são fiéis, ou pelo menos parecem ser.

E todas essas idéias novas e comportamento atual me causam bastantes dúvidas, entendo racionalmente a parte de que é impossível ser fiel, mas emocionalmente ainda carrego a educação que recebi, que era bem clara em relação a infidelidade de namorados e maridos.

Infelizmente vivemos na sociedade-varanda, é mais interessante discutir a vida alheia, do que a própria. Muito se discute sobre o casamento gay e pouco se fala sobre essa nova pintura que está surgindo, como vão ser os relacionamentos daqui pra frente, se já está ficando difícil demais segurar a onda? Homens e mulheres estão traindo na mesma proporção e as coisas tem que ser discutidas, os dois pelo menos tem que estar de acordo, apesar dessa conversa parecer liberal demais para muitos.

De todos os arrependimentos que tenho na vida um envolve um mulherengo. Eu conheci ele e me apaixonei loucamente, mas não dava certo por milhões de motivos, com o tempo eu não quis mais, ele era terrivelmente mulherengo e naquele momento me parecia o pior defeito de um ser humano. Cada vez que pensava nele, eu cortava e me dizia que ele era mulherengo, a coisa mais execrável que alguém pode ser na vida.

Ficamos muito amigos e o tempo passou. Muitas coisas aconteceram, mas ele sempre foi incondicional comigo, sempre me apoiou em tudo o que fiz. Nos últimos tempos fiz as contas e percebi que se eu tivesse ficado com ele teria sofrido muito menos do que sofri saindo com supostos homens fiéis, se naquela época eu soubesse o que sei hoje, tudo seria diferente. A infidelidade é menos pessoal do que parece, principalmente se for o homem o infiel, a natureza humana é inquieta e nem tudo o que fazemos inclui sentimentos profundos.

Não sei até que ponto a sociedade está pronta para discutir a monogamia, mas eu sempre vou apoiar a transparência em qualquer coisa, prefiro mil vezes um mulherengo assumido do que um santinho mentiroso. O ser humano começa a perceber que não existe relacionamento perfeito, não tem como ficar a vida inteira com a mesma pessoa, pelo menos na cama, não tem como não ter vontade de sair com outras ou outras.

Mas alguém vai dizer '' Eu conheço casais que se amam e nunca precisaram pular a cerca!''.
Com certeza existem, nada na natureza é definitivo, devem existir pessoas que se encontraram e conseguiram sossegar em um relacionamento. Mas a maioria é inquieta, curiosa e faminta. E tem essa péssima mania de procurar fora o que está dentro, mas até saber disso vai pular em muitas camas.

Iara De Dupont 


Um comentário:

Anônimo disse...

Conheço um cara que é louco pela mulher, mas ela terminou o casamento porque descobriu uma 'pisada na bola' dele.
Na verdade ele 'pisou na bola' trocentas vezes com diferentes mulheres, mas ela descobriu apenas uma e foi a gota dágua.
Cara, ele a ama de paixão, dá até inveja esse amor todo que ele tem por ela. Tá mal, mesmo com mais de 1 ano separado, ele ainda tá esperando voltar com ela.
Eu não acreditava que podia se amar alguém e transar com outras, até conhecer esse cara e a estória dele.
Com certeza se eles voltarem, ele vai continuar as 'traições', com muito mais cuidado para não ser pego de novo, mas, putz, eu se fosse ela voltava pra ele sem nem pensar, o cara a ama demais... mas tem esse lance que ela não aceita, antes eu daria razão pra ela, mas agora, putz, daria tudo pra alguém gostar de mim do jeito que ele gosta dela.

Leia outros posts....

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...