ADICIONE O BLOG SMM AOS FAVORITOS! OBRIGADO PELA SUA VISITA E LEITURA!

NOVIDADE!

NOVIDADE!

Nota:O formato PDF dos livros acima pode ser acessado em qualquer plataforma, inclusive Windows, Mac OS e plataformas móveis como Android e iOS para iPhone e iPad.

Os posts mais lidos viraram livros e não estão mais disponíveis no blog.

DESDE 2010. ANO VI. MAIS DE 2.000 POSTS.

GUEST POST NO ESCREVA LOLA ESCREVA

CURTA NO FACEBOOK


E-MAIL
sindromemm@gmail.com

17 novembro 2012

Criaturas incubadas como eu não entendem o Facebook





Tá certo! É isso mesmo!
É impressionante como muitas vezes, quase sempre,a primeira impressão que temos de alguém ou de uma situação é a certa. Mas então jogamos ela no filtro social, fica feio pensar mal dos outros, julgar sem conhecer ou achar que é o dono da razão, sendo assim apagamos o que sentimos e pensamos no primeiro momento e começamos de novo, ligando o filtro e usando a lógica.

Eu fiz tanto isso que nem lembro mais e infelizmente sempre fui obrigada a reconhecer que minha primeira impressão estava certa. E não é apenas em relação as pessoas, mas em tudo, muita vezes pegamos um caminho e sentimos alguma coisa estranha, mas continuamos ali e quebramos a cara.

Muitos dizem que isso é instinto, aviso dos anjos, proteção divina, o coração falando, seja o que for quase nunca erra.
Resolvi ficar com minhas primeiras impressões, caso contrário vou bater na parede.

Hoje disse a um amigo minha primeira impressão de uma situação dele, lógico que não gostou e me disse um monte.

Há tempos ele levou um fora da namorada, no pé do altar, semanas antes do casamento, a garota voltou para o ex-marido e ficou por lá. Então ele abriu um perfil no Facebook e vem se dedicando a isso.

A primeira impressão que eu tive é que ele quer apenas mostrar a menina como ele está bem e como a vida dele andou pra frente. Tudo é dito, desde o que ele cozinha, já que adora, até as novidades como viagens e tal.

Perguntei a ele se a ex-namorada passa pelo Facebook, ele diz que sim e às vezes até conversam, porque ela virou evangélica e tudo foi perdoado entre os dois. Ele sabe que a moça dá uma olhada na página dele.

Não resisti e disse que sua página era exibicionista, acho um absurdo alguém postar tanto de sua vida, até porque sei que ele não está tão bem sozinho. Sobrou pro meu blog, esse sim exibicionista segundo ele, ficar contando coisas pessoais. Mas eu não conto coisas pessoais, apenas humanas, azar o delas se pegam a cor de pessoais.

Falei que ele devia melhorar sua página, porque me passa a sensação de carência, não sei o porquê, mas tenho essa sensação que ele apenas quer mostrar a ex que está ótimo e sua vida é cheia de emoção. Não sei se ele coloca o que come para puxar conversa com alguém, mas achei o cúmulo, colocar tudo o que acontece ali, além de ficar falando da sua avó, pessoa que ele detesta, mas no Facebook coloca fotos da velhinha dizendo que é um exemplo.

A verdade é a seguinte, ele não faz nada na sua página que o mundo inteiro não faça, até por isso mesmo o dono do Facebook é bilionário, mas eu tive desde o primeiro dia a sensação de que foi um ataque de carência dele.

Perguntei se era seguro postar tantas informações, mas ele disse que a estranha no mundo sou eu, o mundo é normal e faz isso, concluímos então que é seguro postar horários de rotina e lugares que se frequenta.
Ele ficou chateado e falou um monte do meu bloquinho, mas eu não me importo, até porque quem me conhece não lê aqui nada de diferente do que eu sou na vida, até hoje só um ex disse que não era a mesma pessoa que ele conhecia e escrevia, mas fora isso ninguém reclamou.

Vou fazer o quê? Minha primeira impressão do Facebook dele foi essa, até porque conheço a história e verdade seja dita, esse fim de namoro já deve ter pelo menos uns cinco anos e depois disso ele nunca mais se apaixonou. Tenho a impressão que se a menina ligar e pedir pra voltar, ele sai correndo até ela.

No fim ele concluiu que achei seu Facebook meio sem sentido porque eu não sou uma criatura sociável, caso fosse como ele que sai de casa de segunda a domingo para farrear com alguém, então eu entenderia, mas como sou uma criatura incubada esperando o apocalipse então não entendo sua página.

Eu quis saber qual foi a primeira impressão que ele teve de mim e ele disse:
- Você é muito engraçada.
Então tá valendo, se essa foi a primeira impressão tá bom pra mim.

Só disse a impressão que tive do Facebook dele, não de quem ele é e eu sei que é, não falei de propósito, até achei que seria uma espécie de aviso, ele está muito exposto. Mas ele ficou dodói e eu conclui mais uma vez, meu instinto está certo, aquela página é coisa de gente carente demais. Carência todo mundo tem, mas deixar um ou uma ex ver isso é muita decadência. Como dizem o revolucionário Zapata, é melhor morrer de pé do que viver de joelhos.

Iara De Dupont

2 comentários:

Flor de Maracujá disse...

Não pude deixar de rir da sua expressão: "Uma pessoa encubada, esperando o apocalipse". Rsrs

Realmente no face as pessoas geralmente passam ser aquilo que elas não são... Fazer o que neh...

Bjs

Lau disse...

Uhahaha!
eu nem tenho facebook. pasme! eu nunca fui lá, não estou interessada em ir e não morri por isso...

Leia outros posts....

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...