ADICIONE O BLOG SMM AOS FAVORITOS! OBRIGADO PELA SUA VISITA E LEITURA!

DESDE 2010. ANO VI. MAIS DE 2.000 POSTS.

GUEST POST NO ESCREVA LOLA ESCREVA

CURTA NO FACEBOOK


E-MAIL
sindromemm@gmail.com

23 outubro 2012

Dias de tristeza...mas vão passar...




Conversando com uma amiga mística falei sobre a famosa data de fim de mundo,21/12/12.Ela garante que o mundo não vai acabar e mudanças não irão acontecer,simplesmente porque já estão acontecendo.
Faz tempo que eu percebi umas coisas mas achava que era devido ao fato de estar mais velha,então minha percepção de mundo estaria diferente devido a isso,a idade,a estar mais madura e mais consciente.Mas segundo minha amiga todas as pessoas vem passando por mudanças drásticas internas,hoje é quase possível dizer que não somos a mesma pessoa de ontem.
Tudo pegou uma velocidade diferente e nossos relógios biológicos perceberam isso,por isso tanta gente está sensível e triste.
Há no momento no mundo,diz ela,uma onda de tristeza infinita,como se o tempo acabasse.Isso se deve a que o mundo se saturou,os recursos estão no limite,todas as fronteiras éticas foram cruzadas e as pessoas estão enterradas no meio dos seus brinquedos,de tanta coisa material.Mas querer e ter tanto satura,é como aquela criança que tem todos os brinquedos e acaba brincando com o caixa de papelão.
E brinquedos exigem tempo e escolhas.Sempre vi um perfume na mesinha do quarto da minha avó,minha mãe também sempre teve um.Eu tenho um monte e sempre quero mais.Tenho doce,floral,frutal,cítrico,amadeirado,tenho para o dia,para a noite,para todas a ocasiões e espalhados em vários lugares.Minha avó não pensava no perfume dela,eu sempre penso nas novidades.E assim cada um se enche com alguma coisa,tem gente que tem centenas de brinquedos eletrônicos,roupas,ou sapatos.
E no meio de tantas coisas o mundo está mudando.Tem gente que diz que é a natureza,outros dizem que são questões místicas,outros garantem que são transformações necessárias.
Imagino que sim,porque como está fica difícil de continuar.Tenho conversado com muitas pessoas e me dizem que se sentem tristes,desmotivados,melancólicas.
Minha amiga diz que é apenas um período,mesmo assim é bom,porque antes as pessoas não estavam dispostas a dizer como se sentiam.Hoje dá pra assumir uma tristeza coletiva na boa.A garantia do futuro ninguém mais tem.Planos para trinta,quarenta anos de vida ninguém faz.
A sensação de ciclo terminado leva muitos a realizar seus sonhos,correr atrás de seus objetivos,largar mão do que não funciona mais.
Nascimentos são assim,meio traumáticos,talvez depois de séculos comece a aparecer uma nova humanidade,pessoas mais ligadas a terra,aos animais,distantes de tantos brinquedos,distrações e exigências de felicidade instantânea.
Como muitos não sei ser feliz por muito tempo.Dura alguns minutos,mimada que sou,abro meu perfume novo e fico exultante,mas depois de um tempo aquela sensação desce,como senão tivesse existido nunca.Também me acostumei no quero tudo já e agora,também me acostumei as frutas e verduras no supermercado,muitas delas nem sei se vem de árvore ou crescem na terra.
Eventualmente todos íamos ter que parar de viver assim.Muita da tristeza vem porque somos mimados,queremos de um jeito ou outro viver muitos anos no meio do nossos brinquedos e sonhos rápidos.
Mas a natureza agüentou mais do que devia e agora o tempo corre contra todos.A tristeza que todos sentem é porque percebem que não são os donos do mundo,que brinquedos não são eternos e que as emoções que todos fazem questão de esconder vem a tona sem avisar.Quem não se acostumou a viver como se fosse um boneco?A roupa certa,a atitude certa,a conversa certa.Mas agora é hora de começar a viver como seres humanos e eles são assim,choram,se sentem mal,não se sentem completos com brinquedos e procuram a felicidade,em lugar de comprar a versão instantânea e genérica.
Toda essa tristeza vai passar,porque tudo passa neste planeta,até nós.

Um comentário:

Poeta da Colina disse...

Para onde José, para onde?

Acho que é a sociedade atual, no meio de tudo, sem escolha certa, sem posições. A geração do não se sabe, apagada talvez.

Leia outros posts....

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...