ADICIONE O BLOG SMM AOS FAVORITOS! OBRIGADO PELA SUA VISITA E LEITURA!

NOVIDADE!

NOVIDADE!

Nota:O formato PDF dos livros acima pode ser acessado em qualquer plataforma, inclusive Windows, Mac OS e plataformas móveis como Android e iOS para iPhone e iPad.

Os posts mais lidos viraram livros e não estão mais disponíveis no blog.

DESDE 2010. ANO VI. MAIS DE 2.000 POSTS.

GUEST POST NO ESCREVA LOLA ESCREVA

CURTA NO FACEBOOK


E-MAIL
sindromemm@gmail.com

15 outubro 2012

Até quando você quer viver?(GNT brinca de Deus e responde)





Assistia hoje ao GNT quando começou um programa `Até quando você quer viver?
É igual aos outros,alguém se inscreve,faz exames e aparece uma equipe fazendo terrorismo verbal,avisando a pessoa que se ela continuar comendo,bebendo e fumando do jeito que faz ela vai morrer.Neste programa eles são mais específicos,eles fazem um cálculo e avisam a pessoa até quando ela vai viver.
No programa que assisti era um rapaz que bebia demais e comia mal,então foi avisado que vai viver apenas até os 69 anos.
Sem querer fazer pouco caso desses cálculos,acho que é Deus ou uma força cósmica que sabe até quando vamos viver,não um programa da GNT.
Já vi vegetarianos morrerem cedo por alguma tragédia e pessoas que fumam e se drogam vivas por aí.
Mas o que me faz transbordar de má vontade com esses programas é o lado superficial.A pessoa passa por vários exames,todos os especialistas dão seu veredicto,mas em nenhum momento ela recebe atendimento psicológico.
Pode parecer besteira,mas eu falo no alto da minha experiência,na maioria dos casos não adianta chegar com uma equipe que muda a comida e duzentos treinadores para malhar o dia inteiro.
Muitas pessoas não se cuidam por falta de tempo,de dinheiro,mas tem outras que não se cuidam porque se sentem mal,tem crises de auto estima,algumas tem depressões leves e empurram a vida com a barriga.
Me atrevo a dizer que a grande maioria é assim.Se eu estou em um momento bom de minha vida fazer dieta é apenas uma coisa,eu faço na maior boa vontade,saio para correr achando a chuva linda,mas se eu me sinto mal,deprimida,ou em alguma crise de baixa estima,eu não reajo bem,começo a arrastar corrente por todos os lugares,a lamentar minha sorte e chorar pela tortura que tenho que passar.
E muitas vezes me levanto da cama porque não tenho escolha,caso tivesse preferia dormir durante meses.
Isso leva muitos a se largar,a se afundar no trabalho,esquecer a vida mesmo,parar de comer coisas saudáveis e carregar na bebida.
Não queria ser eu a avisar a nutricionista do programa da coisa mais óbvia do mundo,mas serei,quando ela pergunta - Até quando você quer viver ? ,bom tem dias que qualquer um pode responder que quer viver apenas mais uns minutos,nem todos sorriem e dizem que querem chegar aos noventa anos.
Porque tem dias assim,meses,anos,épocas,vidas,que a pessoa se sente um merda,que não tem vontade de nada e beber ou fumar,se detonar,não faz a menor diferença.
Eu passo por isso em muitas dietas,quando quero me detonar,me detono,não fico com esse lenga lenga de amor próprio.
É coisa de profissional passar por esta vida sem se sentir mal de vez em quando,se sentir agoniado com a vida e suas escolhas em seus momentos tensos.Todo mundo tem épocas que se sente triste,sem ver a luz no fim do túnel,cansado e de saco cheio de tudo.E com essa sensação interna é impossível sair para correr e comer frutas o dia inteiro, a alma exige algum analgésico,seja comida,bebida ou droga.
Não tem como viver como atleta,cada um tem seu calcanhar de Aquiles.Eu me afundo no chocolate,mas conheço quem se afunda em drogas,bebidas,cigarros,sexo e até tenho um amigo viciado em correr,quando está deprimido começa a correr,já foi parar até em hospital com lesões sérias,porque não conseguia parar de correr.
Esses programas que invadem a vida da pessoa com dietas e exercícios,fazendo terrorismos verbal,só mostram como somos uma sociedade superficial,onde a única coisa que importa é salvar o corpo,arrastar ele até os oitenta anos,e dane-se a alma,ela que se consuma viva se quiser.
Ninguém fala da importância da ajuda psicológica,afinal ninguém se larga a toa,alguma coisa está pegando.
E perguntar a uma pessoa até quando ela quer viver é besta demais.Ora,desde quando a nutricionista é Deus e pode adivinhar isso?E até quando as pessoas querem viver se não estão felizes?São muitas perguntas,muitas coisas,mas eu me sinto a vontade para falar disso,já que vejo as coisas pelo meu caso e nunca engordei quando estava  feliz,sempre alguma coisa me levou a isso.
Mas neste mundo de verniz não importa a dor que sentimos na alma,o que interessa mesmo é o corpo e suas duas horas de exercício,suas frutas no café da manhã e largar a bebida.O que se carrega dentro que dói,que arde,ninguém vê e ninguém quer saber.O que importa é manter a casca funcionando.Azar o meu mesmo ter nascido com um corpo e uma alma,que juntos tem seu mecanismo de tortura interligado,onde um vai,outro vai atrás.No meu caso não ia adiantar nada invadir minha casa me perguntando até quando quero viver e o que eu como.Não sei até quando eu quero viver se eu não estiver feliz e o que eu como não muda a dor da minha alma,as vezes acalma,mas não muda.Não sou só um corpo,por isso esses programas não servem pra mim,me atrevo até a dizer que comer alface e malhar vinte horas por dia é mais fácil do que saber o que massacra a alma e parar a dor.O corpo perto da  alma é um aprendiz,reflete o minímo do que acontece lá dentro.
A pergunta não deveria ser -`Até quando você quer viver ?´´,mas sim `Como parar essa dor e ter uma vida saudável em todos os sentidos?
Mas essa pergunta ninguém sabe a resposta.

Um comentário:

Marta SP disse...

Adorei (como sempre) o texto! É isso que sinto nesses programas, assim como nos de transformação de visual, etc Nos de transformação eles literalmente matam a alegria, a "alma" da pessoa, impedindo-a de se expressar na sua individualidade, é interessante e triste observar como as pessoas se deixam levar por um bando de imbecis com alguns títulos e algum conhecimento médico, mas nenhuma sabedoria de vida.

Leia outros posts....

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...