ADICIONE O BLOG SMM AOS FAVORITOS! OBRIGADO PELA SUA VISITA E LEITURA!

DESDE 2010. ANO VI. MAIS DE 2.000 POSTS.

GUEST POST NO ESCREVA LOLA ESCREVA

CURTA NO FACEBOOK


E-MAIL
sindromemm@gmail.com

23 junho 2012

Estudar sem agir serve para alguma coisa?



Hoje saiu no portal Yahoo uma notícia sobre um americano que coleciona diplomas, já tem 22 mestrados e um doutorado aos 71 anos. Só dizia isso na matéria, não dá para saber se ele dá aulas ou escreve livros, então vou partir do princípio que ele só estuda, não fez nada além disso.
Acho incrível alguém estudar tanto, até porque mestrados exigem muito .

Mas eu fiquei pensando, estudar tanto é um prazer individual, mas de que serve tanto conhecimento se ele não é utilizado?
Cada um faz com seu tempo o que quiser, ele poderia jogar xadrez o dia inteiro ou não fazer nada, mas de que adianta estudar tanto se não passa pra frente isso?

O conhecimento não é a mesma coisa que um hobby, vai além disso.
E ainda fico me perguntando, quem paga tudo isso? Mestrados são caros e o problema de não usar o conhecimento é que a pessoa morre e leva tudo com ela, vai ser enterrada com um cérebro genial mas que não deixa nada ao mundo.
O mundo se constrói dos legados, do que deixamos aqui, não do conhecimento que as pessoas levam ao túmulo.

Tenho  má vontade com os círculos acadêmicos por isso, pela mania que tem de se acharem acima de todos, vivem em uma nuvem mística, acreditando  que apenas os iniciados podem ter acesso ao ''conhecimento''.

Informação e conhecimento são as únicas coisas capazes de mudar o mundo, sem ele as pessoas não tem nem ideia do que está acontecendo.

Vejo isso pelos animais em laboratórios, em anos de ativismo nunca conheci alguma pessoa que ao saber do que acontece lá dentro não tivesse ficado horrorizada. Não sabiam, não imaginavam e assim continuavam sem saber apoiando a indústria.

Mas círculos acadêmicos gostam da teoria da linguiça, é melhor não saber do que é feita, assim as pessoas continuam consumindo sem se perguntar  e só eles, os acadêmicos,  tem o conhecimento do que acontece lá dentro, gostam do mistério,  de se sentirem superiores aos outros, apenas porque tem um acesso restrito a informação.

Estudar bastante como esse americano é a melhor coisa para a mente, agiliza tudo, mas estudar sem aplicar nada é apenas um passatempo. Ele tem o direito de fazer isso, mas eu me pergunto o que levaria um ser humano a ter 22 mestrados se isso não fosse beneficiar alguém? Nem aulas ele dá!  Pelo menos ele poderia ter desenvolvido um método de estudo mais eficiente e ajudar quem está começando.

Um cérebro preparado que não faz nada por ninguém é um coração vazio. Conhecimento é ouro e deve ser distribuído, do que adianta morrer como o homem que mais mestrados tem no mundo se não fez nada além disso, não aplicou tanto conhecimento?
O mundo não se faz do que pensamos, sentimos,ou estudamos, ele se faz das nossas atitudes, das nossas ações.

Tem muita gente no mundo que não fez 22 mestrados e deixou legados que mudaram a história, tanto para bem como para mal. E tem muita gente com doutorado e pós que morreu sem deixar nem uma boa lembrança.

Conhecimento é ferramenta para mudanças, mas quando ele é apenas individual não significa nada. Que esse americano tivesse 22 mestrados ou colecionasse tampinha de garrafa teria o mesmo peso para o mundo. Não significa nada.

Estudar é o primeiro passo, o segundo é agir. Um sem o outro é esvaziar a vida e gastar o tempo.
Iara De Dupont

Um comentário:

Anônimo disse...

Parabéns gostei passou uma idéia que fez pensar e usar o que tenho, muito agradecido!
Um abraço!

Leia outros posts....

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...