ADICIONE O BLOG SMM AOS FAVORITOS! OBRIGADO PELA SUA VISITA E LEITURA!

DESDE 2010. ANO VI. MAIS DE 2.000 POSTS.

GUEST POST NO ESCREVA LOLA ESCREVA

CURTA NO FACEBOOK


E-MAIL
sindromemm@gmail.com

29 março 2012

Isso não me representa!



Quando eu era pequena sempre ficava de recuperação de matemática. Odiava a matéria e os professores. Meus pais  alguma vez me disseram  que as coisas têm conseqüências e temos que aprender a assumir nossos erros.
Eu, muito inteligente, muito dama, levei ao pé da letra. As vezes (milhões delas) que errei, assumi. Quebrei a cara, mas assumi meus erros.

Ora e tudo foi em vão! Chegamos a um ponto da modernidade que ninguém mais precisa fazer isso. É apenas necessário ter muito dinheiro e cara de pau, o resto se acha alguém para jogar a culpa.
Empresas internacionais que são pegas usando trabalho infantil escravo logo se defendem, o trabalho foi terceirizado, dizendo que não sabiam e que essa prática não representa os ideais  da empresa. Fica elas por elas e tá tudo bem.
Se um político é pego desviando dinheiro, o partido logo avisa que ele não representa o critério ético deles.

É só mandar uma frase dessas para a imprensa e fica todo mundo aliviado. Acharam pelos de rato em um salgadinho ? Não tem problema, a empresa avisou que não sabe o que aconteceu e que isso não representa o controle de qualidade deles.

Nada representa nada. Nada é culpa de ninguém, ninguém assume suas responsabilidades, seja por subir uma criança em um brinquedo quebrado, atropelar um ciclista, ou por vender  produtos velhos e contaminados. Não existe culpado, já que o problema seja qual for, não representa a empresa  nem a pessoa. É a charada do dia. E todos os dias alguém manda um comunicado a imprensa, dizendo apenas isso, tal coisa não nos representa, nem representa os valores da empresa. Se for besteira de um empregado, logo ele vai para a rua, já que não representa a empresa.

Não tem como assistir um filme hoje ou ler um jornal onde não venha escrito em grandes letras ''O conteúdo exibido não representa a opinião da empresa, o conteúdo expresso é de responsabilidade do autor''.
Mas quem é o autor? Não sei. O autor vai dizer que o que está ali não representa sua opinião, é apenas uma metáfora de um pensamento vazio no meio da noite, quase de madrugada, que não deu certo.
Bom, nada nos representa, nem como um todo, nem como uma parte. Podemos ir por aí dizendo besteiras e fazendo elas, já que elas não nos representam. É bom ter dinheiro, isso nunca é demais, porque com o dinheiro a representação não é questionada, as coisas ficam onde estão.

Empresas que foram pegas com trabalho escravo não mudaram isso, apenas falaram que isso não representava elas, mas continuam ganhando milhões em cima de crianças exploradas. E ninguém faz nada, já que se brigar lá vem outro comunicado ''Lamentamos o ocorrido, infelizmente essa prática de trabalho escravo vai em contra dos nosso valores como empresa, somos uma empresa com princípios éticos que luta para servir melhor seus clientes, não aprovamos o trabalho escravo e isso não representa a empresa''.
Imagina chegar no céu, a pessoa acaba de morrer e está lá escrito na porta: Lamentamos a sua viagem até aqui, porém Deus não representa  a humanidade, a conduta humana vai em contra dos seus princípios e assim não nos responsabilizamos mais, já que somos entidades superiores que desaprovam a maneira na qual as pessoa vivem.

Bom, depois dessa a todos os humanos, boa viagem ao inferno. Talvez lá eles não mandem comunicados a imprensa.

Iara De Dupont 

Um comentário:

Poeta da Colina disse...

E de pensar que este é só o raso da onde pode-se chegar.

Leia outros posts....

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...