ADICIONE O BLOG SMM AOS FAVORITOS! OBRIGADO PELA SUA VISITA E LEITURA!

DESDE 2010. ANO VI. MAIS DE 2.000 POSTS.

GUEST POST NO ESCREVA LOLA ESCREVA

CURTA NO FACEBOOK


E-MAIL
sindromemm@gmail.com

06 janeiro 2012

Gente, que bom que a sociedade mudou



Agora somos perigosas !

Alguém me dizia ontem que os tempos mudaram .Ao ver uma novela sendo reprisada essa sensação virou certeza . A novela Mulheres de Areia apareceu em 1993, sua segunda versão. No capítulo de ontem um adulto, que não era nem o pai , batia em um menino, para dar uma lição .Também tem uma pessoa com limitações mentais, Tonho da Lua, que não recebe nenhum tipo de ajuda psicológica ou psiquiátrica .
Outra personagem Malu é uma rebelde, desocupada ,mas consegue se casar e o marido acha uma receita perfeita para domesticar a fera, deixar ela sem comida, até que ela aprenda a cozinhar, assim ela vai cair rendida aos pés dele e ser feliz .
Em algum capítulo o mocinho Marcos já tinha batido na mulher e recebeu todo o apoio da família, agora sim ele tinha agido como marido .O pai das gêmeas Ruth e Raquel também ameaça a mulher o tempo inteiro .
Ah, essas coisas não acontecem mais,ainda bem, foi o que me disseram .
Faz tempo que não assisto novelas,mas ainda somos um país machista, difícil acreditar que os tempos mudaram tanto .
Os escritores entenderam a revolução sexual de outra maneira .Na última novela que assisti , Insensato Coração, a protagonista dedica sua vida a destruir a vida do homem que sacaneou ela . Ah ,grande revolução, correr atrás de desafetos, como se isso levasse a alguma parte .No total foram 22 mortos nessa novela, em menos de 8 meses,mas ainda bem que a sociedade mudou na sua margem de tolerância em relação a violência.
Ontem assisti um pedaço de Fina Estampa, onde uma rica passa um longo tempo humilhando e destratando o assistente gay .Também arranja tempo para pensar em destruir o marido e colocar fogo na casa da rival .
Resolvi então assistir a novela das seis .Difícil dizer .Muitos personagens femininos,mas todos enrolados, mães neuróticas, filhas bestas e inimigas armando alguma coisa .Tentei a novela das sete .Nem tinha começado e a filha já tinha dito a mãe que iria jogar um remédio que deixaria a tia louca, uivando e assim poderiam se livrar dela .Minutos depois outro personagem dizia que tirar 20 milhões da mãe era mais fácil que tirar doce de criança .
As mulheres não são mais passivas e meio abestalhadas como eram em Mulheres de Areia, agora são neuróticas, loucas, psicopatas e mais fúteis ainda, perseguindo homens que as abandonaram ou planejando matar a rival .
Não vejo avanço em nada, pelo contrário, é um retrocesso .Pior do que ser uma mulher idiota em uma novela é ser uma louca ,sem eira nem beira .
Não adianta muito entrar em méritos de quem escreve ou não as novelas .Infelizmente elas são uma janela, onde refletem o que a sociedade acredita ser e uma maneira rápida e eficiente de colocar valores falidos na casa dos brasileiros .
As mulheres ainda são uma pedra no caminho para a sociedade .Ainda somos retratadas de uma maneira mesquinha, distante da realidade .Não aparecem mais mulheres de pescadores, sendo ameaçadas pelos maridos.Agora aparecem mulheres com revólver debaixo do travesseiro, esperando a melhor hora para matar a rival .
De quem é a culpa ? De todos e mais ainda das mulheres que assistem e fazem figurinos e cores de esmaltes virarem febre .Muitas se identificam com os personagens, apóiam o que eles dizem .Mal sabem elas que todo esse ódio que os escritores demonstram no seu texto em relação a mulher se refere a todas .Eles estão escrevendo sobre todas e passando a mensagem a sociedade -Cuidado, mulheres soltas ( E são todas loucas ) .

Um comentário:

Veronika disse...

Novela é entretenimento, mas, sim, tudo tem um fundo de verdade, até mesmo o que foi escrito para divertir. Não tinha parado pra analisar por esse ângulo, mas a novela, nada mais é, do que o sonho e a percepção de mundo dos autores transliterada em prosa, em texto. Sendo assim, é triste me dar conta do que realmente pensam sobre a mulher, em nossa sociedade. A cultura de um povo é o espelho de seus valores, e, se eu me envergonhava de novela só mostrar baixaria (que é a cultura do Brasil: sexo, cerveja, mulher e futebol... e a educação um lixo, E NEM deu certo de novo, rs), agora estou me envergonhando de ser mulher, DE COMPACTUAR com esse retrato distorcido que é feito de todas nós, como coletividade:

PROMÍSCUAS, INSANAS, VINGATIVAS E FÚTEIS. Incapazes de ser admiradas como chefes, estudantes, de ter uma vida sexual saudável e um grau desejável de sanidade mental!

*DEVE ser por isso que, em nosso mundo, não se casa mais. Deve ser por isso que Leis como a Maria da Penha precisam ser criadas (pra proibir o espancamento de "doidas" merecendo um "corretivo"), quando o natural e digno era cada homem saber que em mulher não se bate (aliás, não se bate em ninguém!). QUEM VAI QUERER CASAR, CONSTITUIR FAMÍLIA, TER UM RELACIONAMENTO SÉRIO COM DESEQUILIBRADAS, se há tantas de "nós" abrindo as pernas sem compromisso e achando o máximo ser destratadas na cama, e fora dela?

Lamentável me sentir desonrada assim, sem nem merecer. E a mulherada ainda aplaude "isso"! Ainda dá 40 pontos de ibope, ao invés de ir ler um livro...

Leia outros posts....

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...