ADICIONE O BLOG SMM AOS FAVORITOS! OBRIGADO PELA SUA VISITA E LEITURA!

DESDE 2010. ANO VI. MAIS DE 2.000 POSTS.

GUEST POST NO ESCREVA LOLA ESCREVA

CURTA NO FACEBOOK


E-MAIL
sindromemm@gmail.com

13 novembro 2011

A única corda que me segura

Depois de nascer começamos a segurar algumas cordas .A família, depois os amigos, os amores, o traalho  .Caindo nos abismos e tentando subir a montanha precisamos nos livrar de algumas cordas , que nem sempre se rompem naturalmente .
Em um programa de beleza uma garota dizia ter se largado, se dedicou ao marido, filhos e trabalho .Ficou ali perdida e o corpo registrou essa corda se soltando.
É possível viver largandoquase  todas as cordas .Cordas de amigos somem naturalmente com o tempo e outras arrebentam .Mas a única corda que nos mantém vivos é a corda que está ligada a nós mesmos .
Não faz diferença largar todas, mas quando largamos essa o mundo desaba sem piedade sobre nossas cabeças .
Pessoas que nascem com problemas de peso tem essa corda mais frágil .Um mínimo movimento, uma afrouxada, o peso invade a vida da pessoa e ela se larga no meio da gordura .
O que fazer então ? Não se pode segurar muitas cordas na mão,mas soltar a nossa corda nos joga direto ao abismo .
Não interessa o trabalho, o benhê, as crianças, a família ou a terceira guerra mundial.Debaixo de nenhuma hipóteses a gente pode se largar .
Dizem que o dinheiro sustenta a força de todas as cordas .Ah, seria bom demais se fosse tão simples . Força de vontade e disciplina não se compram .
Minha mãe reclama da minha frágil e as vezes inexistente auto-estima .Mas já cansei de mostrar a ela isso, eu largo minhas cordas, mas não  solto uma.
Não tem  grana para uma super academia ? Eu dou voltas no quarteirão , durante um bom tempo .Falta um bom creme, desses que resolvem tudo ? Compro o que dá e capricho na massagem .Corto o arroz, bebo mais água, me viro,mas faço o que posso para não largar minha corda ,sempre tão sensível a qualquer mudança .
Isso exige de mim um esforço que só Deus conhece .As noites me invadem e tenho vontade de soltar essa corda e não sofrer mais .Mas se eu soltar essa corda vou soltar minha vida e cair direto no abismo.
Se eu me largar sei em que infernos posso cair .Muito me dizem que não adianta fazer pesinhos, nem caminhar nem beber água .É a tua natureza ! Imagino que sim,mas gordura é um mar, se você não segurar no começo ele invade tua vida.
As coisas não vão sempre para o lado que queremos .Mas temos esse controle sobre essa corda, ninguém é obrigado a se largar .Custa muito,a gordura se transforma em tristeza e pesa mais .
Quando alguém me manda um email perguntando sobre questões ligadas ao peso, eu sempre digo a mesma coisa : Não se largue nunca, não se abandone .Só essa corda nos segura ao subir a montanha. É melhor segurar firme, senão a queda pode ser fatal.

Um comentário:

Poeta da Colina disse...

Disse alguns dias atrás. Nos baseamos em outras almas.

Leia outros posts....

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...