ADICIONE O BLOG SMM AOS FAVORITOS! OBRIGADO PELA SUA VISITA E LEITURA!

DESDE 2010. ANO VI. MAIS DE 2.000 POSTS.

GUEST POST NO ESCREVA LOLA ESCREVA

CURTA NO FACEBOOK


E-MAIL
sindromemm@gmail.com

26 maio 2011

Roubos e perdas


Acho engraçado quando alguém diz que podemos errar e mesmo assim a vida continua. Pode ser verdade. Mas têm erros que não ficam no passado, eles te perseguem, fazem do teu presente um pesadelo e do passado uma lembrança constante.

Conheci algumas pessoas que me prejudicaram, mas só lembro delas em algumas ocasiões. Mas tive a desgraça de cruzar com uma que me causou problemas sérios, e essa pessoa não existe mais na minha vida, mas os problemas sim. Às vezes me pergunto se um dia esses problemas serão passado. Me pergunto quando será suficiente e até onde eu serei castigada por ter confiado na pessoa errada. Ninguém saí por aí com uma placa dizendo que é um bom filho da p....Errei no meu julgamento, mas não errei de má fé, confiei de coração aberto. Sei que confiar nos outros é pedir pra morrer. Hoje sei disso,mas antes não sabia.


Por isso não acho justo ainda pagar por esse erro. Não acho justo que a dor ainda me persiga como se tudo não tivesse sido suficiente.

E de que adianta morrer de ódio dessa pessoa agora? Não muda nada, não ameniza a dor e nem posso mudar o que passou.

Os budistas dizem que tudo o que o dinheiro compra é barato, tudo que é matéria pode ser roubado, mas se te roubarem outras coisas, você realmente pode dizer que foi roubado. Quando uma pessoa errada cruza teu caminho e você confia nela, ao chegar no fim da linha essa pessoa levou tua confiança nas pessoas, tua crença de estar segura, tua vontade de gostar de alguém. Isso não se recupera nunca mais. Sempre penso que se essa pessoa tivesse roubado toda a minha casa, ainda assim eu seria uma pessoa melhor. Mas ao roubar minha fé nos outros, me roubou o que eu era, o que sentia. Talvez a dor que tenho agora seja uma lembrança de que perdi uma grande parte de quem eu era.


Iara De Dupont

Um comentário:

Poeta da Colina disse...

Ainda fico com Milan Kundera: “A vida humana só acontece uma vez, e não poderemos jamais verificar qual seria a boa ou a má decisão, porque, em todas as situações, só podemos decidir uma vez.”

Leia outros posts....

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...