ADICIONE O BLOG SMM AOS FAVORITOS! OBRIGADO PELA SUA VISITA E LEITURA!

DESDE 2010. ANO VI. MAIS DE 2.000 POSTS.

GUEST POST NO ESCREVA LOLA ESCREVA

CURTA NO FACEBOOK


E-MAIL
sindromemm@gmail.com

20 janeiro 2011

Pagamento mínimo



Às vezes a cabeça encolhe. Pode ser pelo lugar, pelas pessoas, pelo clima, mas encolhe. É isso que as pessoas mais velhas chamam de perder os sonhos. A mente começa a se acostumar com o panorama que vê e começa a encolher as idéias.
Imagino que a vida econômica tenha sua contribuição para moldar nossa maneira de sentir e ver as coisas. Começamos a nos acostumar com o que queremos e não vamos além disso.

Se eu tenho vontade de uma maça posso entrar em um supermercado e comprar uma, não sou obrigada a levar a árvore.
E no cartão de credito existe o pagamento mínimo, a pessoa deve uma x quantidade e não pode pagar, então o banco exige que ela pague o mínimo dessa quantidade, parcelas que não tem fim e acabam sendo dez vezes mais do que a dívida inteira.

Hoje pensei em quantos relacionamentos existem assim, de pagamento mínimo. Você pode amar e realmente gostar de estar com a pessoa, mas dá o mínimo de você, seja por falta de tempo, seja por outras coisas.

Sempre tem a parte do banco, aquela pessoa que exige, exige e pode ficar anos só com o pagamento mínimo.
Assim como se leva a economia, se levam as relações. Damos o mínimo para família, amigos, amores. Tudo por falta de tempo, tudo por estar ocupado com o nosso novo e infinito amor, o computador , que não nos dá pagamento mínimo nunca, pelo contrário, sempre nos dá de presente todas as horas do seu tempo.

O pagamento mínimo saiu dos cartões de crédito e entrou na nossa alma, vamos empurrando a vida assim, fazendo o mínimo em tudo, desde nossos amores até nosso trabalho. O pior é que não se percebe que damos o pagamento mínimo a tudo, mas também recebemos pagamentos mínimos.
Não parece ser a maneira mais plena de viver, pelo contrário, parece uma maneira curta de viver e morrer endividado com a vida.

Iara De Dupont

5 comentários:

Sentindo e pensando disse...

É meio triste quando a gente perde os sonhos. Será que é a isso que também chamam de "amadurecer"?

Annie Manuela disse...

Vc ta certa, as vezes estamos mesmo recebendo e dando salario minimo... Precisamos mesmo rever o que é mais importante.

Zéia disse...

Ah minha querida Iara...
Tanto amor para dar e oferecer...
É tão simples. E ao mesmo tempo tão difícil.
Você fez uma otima comparação. Gosto do que vc escreve pq faz a gente (eu) refletir dentro de mim mesma e me posicionar ainda mais no amor de Jesus Cristo.
E porque gosto do seu Blog. É bom vir no seu espaço e fazer parte um pouquinho que seja da sua vida.
Abraços.
Toda sorte de bênçãos em O Nome de Jesus Cristo.

LuzAzul disse...

olá IARA
não sei como me encontro. Já fui ao seu blog e gostei do que li. Foi um pouco à pressa, amanhã leio com mais calma.

Luciana disse...

Oi, de novo aqui, entrei hoje no seu blog e estou compulsiva por comentar, pois vc escreve tão claro e tão bem. Olha eu vou te dizer é triste viver assim de pagamentos e recebimentos mínimos, mas nem sempre recebemos conforme damos. Eu por exemplo, sempre fui intensíssima demais nos meus afetos, amava demais e não recebia o que eu queria ou precisava. Nunca dei pra receber,mas dei porque gostava,mas daí comecei a me esgotar , sentir falta e acho que agora não tenho tanto a dar,mas sinto que preciso tanto receber!!! Fico achando que injustiça que é a vida, será que agora que estou aprendendo a pagar em parcelas eu não merecia receber algo inteiro? Pago em parcelas pois não tenho mais o inteiro, mas se eu receber , poderei dar de novo em troca. Não podemos dar o que não temos. Mas enfim...O grandioso é amar incondicionalmente, ou seja dar sem esperar receber. Tento aprender isso, pois Graças à Deus ainda não virei uma pedra de gelo,mas me contenho por medo e daí tudo fica mais sem graça. Antes eu sofria mais, pois amava mais, agora sofro menos, amo menos e sou menos amada...tudo ficou mais morno...mais pacato, mas espero que seja o caminho da serenidade, da paz e da harmonia, e da consequente felicidade. Esperança é a palavra !
Abraços
Lu

Leia outros posts....

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...