ADICIONE O BLOG SMM AOS FAVORITOS! OBRIGADO PELA SUA VISITA E LEITURA!

DESDE 2010. ANO VI. MAIS DE 2.000 POSTS.

GUEST POST NO ESCREVA LOLA ESCREVA

CURTA NO FACEBOOK


E-MAIL
sindromemm@gmail.com

04 janeiro 2011

Moeda da sorte


Em algum texto aqui já mencionei minha pouca boa vontade com essa conversa de almas gêmeas, metade da laranja e coisas assim. No alto da minha pretensão humana, apesar de fragmentada, confusa, perdida, sempre me considerei inteira, nunca achei que alguma metade minha andasse pelo mundo a minha procura, na verdade seria mais lógico eu estar por aí me procurando.

Com o tempo venho observando casais amigos e tentando entender essa coisa ''o homem da minha vida'', ''a mulher da minha vida''.

Também por alguma sensação estranha de tempo, nunca achei que encontraria o homem da minha vida, como se a minha vida fosse só um bloco, só um momento, onde alguém faria sentido em tudo.
De tanto pensar sobre o assunto cheguei a uma conclusão, talvez o homem da vida ou a mulher seja uma coisa difícil de achar, então as pessoas simplificam, procuram pessoas parecidas. Se eu colocasse na minha lista alguém que goste de cinema e seja vegetariano, imagino que aumentaria em milhões minhas chances de encontrar alguém.

Mas sou eu né! Não consigo nem simplificar uma receita de brigadeiro. Acabo me enrolando, jogando outros ingredientes, passando por alguma crise, lamentando o peso que vou ganhar, enfim, um brigadeiro na minha mão não é um simples brigadeiro.


Concluo que tudo se pode achar neste mundo, mas achar um espírito compatível com a tua alma é uma questão de sorte. Amores todos achamos. Errar todos erramos.Tentar de novo, todos tentamos. Mas aquela luz nos olhos de alguém, aquela alma que olha o mesmo céu, mesmo que fique poucos segundos com nós, bom, isso é sorte.


Não é destino, esse em geral acompanha as almas gêmeas, não é coisa de procurar, isso se faz com pessoas compatíveis. A moeda que se joga ao alto na fonte, aquela moeda de ouro, o desejo pendente no ar, esse é a alma que você pode encontrar, esse é um encontro feliz. Amores, gostos, pensamentos compatíveis são uma questão de percepção, mas almas parecidas, espiritualmente similares, bom, isso é uma questão de sorte. Subestimamos a sorte, achamos o destino mais importante, é o destino que provoca o encontro, mas é a sorte que define a importância dele, é a sorte que nos faz lembrar que o melhor da vida são esses encontros, essas moedas de ouro no ar que de repente em um dia de chuva caem em nossas mãos.


Iara De Dupont

Nenhum comentário:

Leia outros posts....

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...