ADICIONE O BLOG SMM AOS FAVORITOS! OBRIGADO PELA SUA VISITA E LEITURA!

DESDE 2010. ANO VI. MAIS DE 2.000 POSTS.

GUEST POST NO ESCREVA LOLA ESCREVA

CURTA NO FACEBOOK


E-MAIL
sindromemm@gmail.com

17 maio 2010

Dá para contornar....







Já falei desse assunto milhões de vezes, mas volto nele quase sempre. É um sinal das minhas obsessões, por isso são obsessões, porque voltam. 

Não acho que sejam obsessões. É um saco catalogar tudo que está  fora do sistema, porque se está dentro, não é obsessão, é estilo de vida. Minha vizinha sai todos os dias de madrugada para caminhar, correr, alguma coisa assim. Mas não é obsessão, pelo contrário, deve ser o orgulho dos médicos, nutricionistas e saudáveis de plantão.

Quanta disciplina no estilo de vida! Mas  o meu estilo, sempre voltando aos mesmos assuntos, isso sim, é obsessão. E no momento volto  a minha obsessão, os obstáculos da vida. E vem aquele discurso, temos que  vencer, superar, se tiver religião  no meio, pior ainda, porque então senão superarmos vamos ficar presos para sempre neles. Quem vence um  fica mais  forte para o próximo.

E hoje assisti um programa de gorilas. Considero eles mais inteligentes que o ser humano, mas enfim, o gorila  estava na floresta e depois de muito caminhar, chegou a um lugar onde tinham mangas, mas era difícil o acesso, então ele contornou  e chegou lá. Ele não superou os obstáculos, ele deu a volta, driblou, como se fosse um jogador de futebol. Eu fiquei pensando, por que eu tenho que superar? Por que não posso simplesmente contornar eles? Por que serei um ser humano melhor se superar todos eles, como uma heroína, cansada, mas  que chega lá com a força de vontade digna de uma deusa? Eu até gostaria de usar essa capa de heroína, mas não tenho esse cacife, tenho preguiça crônica. Não consigo nem ser um ser humano em tudo, imagina uma super heroína. Não dá, a humanidade que me desculpe, mas vou seguir o gorila, confio nele,  na próxima vez que eu tiver um  obstáculo na minha frente, vou driblar, dar a volta,  pegar minha manga e ficar curtindo a paisagem.


Iara De Dupont

5 comentários:

Valter Montani disse...

Olha eu aqui te visitanto, olha eu ali do lado te seguindo.
Grato por sua visita e comentário se puder visite meu outro blog e se quiser leia meu e.book e adicione aos seus favoritos. bjs e boa semana.

Josselene Marques disse...

Iara:

Sábia reflexão. Pensando bem, você pode ter razão...
Muito obrigada pela visita ao meu espaço virtual.
Volte sempre que puder e desejar. Será um prazer receber sua visita.
Ótima semana.
Josselene Marques

conversacomotravesseiro disse...

Sabe o que eu acho, que na verdade as pessoas tem essa carência de serem heróis, terem reconhecimento. Para isso, tem que sofrer e dar a volta por cima. Típico roteiro de filme Holliwoodiano. E acham que quem não tem essa carência, é acomodado.

Quer saber, vc é muito é madura de não depender da opinião alheia, de não ter a carência do reconhecimento alheio. Gostei quando disse que ia contornar, comer a manga e observar a paisagem. Cena linda!! O objetivo não é esse, pra que complicar o caminho? Para ter um reconhecimento desnecessário?

Eu quero é ser feliz, e o caminho para isso quem dita sou eu!!

Bjs e Boa semana!!
Carina

Escritor em treinamento disse...

Acho que o problema, ou um dos problemas (não serei pretencioso à ponto de declarar posse de mais uma Verdade), é que, na maiorida das vezes, não existe manga.

Fazemos as coisas em função da jornada, é difícil ter um objetivo que não o de se seguir em frente. Ou, traduzindo para o idioma do pessimismo, "sobreviver mais um dia".

Tomar o caminho fácil só te faz conhecedora dele, a aventura fica para outra ocasião. Pode ser até melhor se sempre se tiver objetivos à vista e se a rotina e o tédio não lhe assustam.

Devo estar viajando, mas sei lá... adoro metáforas!

Oldon Machado disse...

Parabéns pelo blog, Iara.
Muito instigante.
Vi que temos algumas coisas em comum: chocolate, frio ao calor... Só isso, será?
Bjs, Oldon

Leia outros posts....

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...